Meteorologia

  • 21 JUNHO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência' certificou 52 agrupamentos

Esta terça-feira assinala-se o Dia Mundial de Combate ao Bullying.

'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência' certificou 52 agrupamentos

Esta terça-feira, dia 20 de outubro, é o Dia Mundial do Combate ao Bullying e, "apesar de o ano letivo 2019/2020 ter sido muito atípico", o Ministério da Educação não quis deixar de assinalar a data ao premiar o trabalho desenvolvido pelas escolas no âmbito do projeto 'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência'. 

Este visa contribuir, explica a tutela de Tiago Brandão Rodrigues numa nota enviada às redações, para uma "escola mais inclusiva, promotora de um ambiente seguro e saudável, que permite às crianças e jovens desenvolver valores e competências que promovam o desenvolvimento pessoal e a plena intervenção social"

Após a análise e avaliação dos trabalhos apresentados, "o Grupo de Trabalho criado no âmbito deste projeto certificou 52 agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas, atribuindo-lhes o selo 'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência'", é referido no mesmo comunicado.

Notícias ao MinutoSelo 'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência'© Ministério da Educação

Também os "117 agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas que responderam ao inquérito realizado identificaram 1.694 alunos como Embaixadores 'Escola Sem Bullying | Escola Sem Violência'", ou seja, "além de pertenceram às equipas criadas pelas escolas no âmbito da prevenção e combate a este fenómeno, assumiram um papel de destaque."

Foram ainda realizadas 450 ações de sensibilização, comemoração, informação, formação ou partilha de práticas promovidas no âmbito do plano. Já 106 agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas "desenvolveram ações de prevenção e combate ao Bullying e Ciberbullying no âmbito da Cidadania e Desenvolvimento".

Houve também 153 ações de formação destinadas a docentes, não docentes e, até, encarregados de educação, desenvolvidas nas escolas que responderam ao inquérito realizado.

O Ministério da Educação destaca ainda que, este ano letivo, "serão realizadas ações de formação dirigidas aos vários agentes da comunidade educativa (pessoal docente, pessoal não docente e vigilantes)" e, no próximo ano "realizar-se-á, também, uma formação de Liderança Intermédia destinada a educadores de infância e professores do Ensino Básico e Secundário e de Educação Especial, que exerçam, preferencialmente, funções de coordenação/supervisão (por exemplo, aos diretores de turma), bem como um curso de formação, para docentes, sobre relações interpessoais e dinâmicas de grupo na escola".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório