Meteorologia

  • 25 OUTUBRO 2021
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

GNR deteve três suspeitos em flagrante por furto a residência em Penafiel

Os homens foram detidos na posse de diversos artigos roubados no interior da habitação e de ferramentas para realizarem os assaltos.

GNR deteve três suspeitos em flagrante por furto a residência em Penafiel

O Comando Territorial da GNR do Porto, numa operação que contou com a colaboração dos militares dos postos da GNR de Penafiel e de Paredes, deteve esta quinta-feira em flagrante delito três homens, com idades compreendidas entre os 19 e os 45 anos, pelo crime de furto no interior de uma residência em Penafiel.

Num comunicado enviado às redações, a GNR revela que as detenções foram efetuadas na sequência de uma investigação a vários crimes de furto em estabelecimentos comerciais na zona de Penafiel. Durante uma operação de vigilância aos suspeitos em período noturno, os militares viram os três homens a entrarem numa residência.

“Os militares, ao constatarem a introdução dos suspeitos na residência, desenvolveram uma ação planeada de forma a intercetá-los com os bens furtados. Desta forma, no momento em que os indivíduos saíram da residência e se introduziram na viatura para iniciar a fuga do local, os militares barraram os suspeitos impedindo as hipóteses de fuga, procedendo ao controlo e detenção dos indivíduos”, pode ler-se no comunicado da GNR.

Foram apreendidos na posse dos indivíduos uma máscara, três pares de luvas e duas lanternas, um saco com ferramentas usadas para os furtos e ainda diverso vestuário de cor preta. Os militares da GNR recuperaram os seguintes artigos furtados do interior da residência: quatro relógios de pulso, bijutaria em ouro e prata (anéis, brincos colares, pulseiras e alfinetes), artigos domésticos, como garrafas de vinho do Porto, whisky ou perfumes, e vários artigos de higiene pessoal.

No decurso das diligências de investigação, os militares da GNR realizaram três buscas domiciliárias, tendo apreendido 711,70 euros em moedas, 220 maços de tabaco, uma televisão e ferramentas e maquinaria usada na construção civil, nomeadamente, rebarbadoras, berbequins, bomba de silicone, pistola de cola quente, marreta e chave de parafusos.

A GNR salienta ainda que durante a operação de vigilância observou dois dos suspeitos, em momentos diferentes, a conduzir, não possuindo nenhum dos dois habilitação legal para o efeito, incorrendo assim na prática do crime de condução sem habilitação legal.

Os detidos, com antecedentes criminais pelo crime de furto e um deles por violência doméstica, foram presentes esta sexta-feira a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial de Penafiel, tendo ficado sujeitos à medida de coação de apresentações semanais no posto policial da sua área de residência.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório