Meteorologia

  • 06 AGOSTO 2020
Tempo
28º
MIN 19º MÁX 35º

Edição

Idosa desaparecida do Hospital de Cascais encontrada morta junto da A5

Família da vítima acusa a unidade hospitalar de negligência. O Hospital de Cascais já reagiu e garante que foram cumpridos "todos os protocolos".

Idosa desaparecida do Hospital de Cascais encontrada morta junto da A5

Francisca Fernandes, de 66 anos, desapareceu do Hospital de Cascais na passada sexta-feira. Esta segunda-feira, a idosa foi encontrada morta perto da unidade hospitalar, junto ao primeiro viaduto da A5, no sentido Cascais-Lisboa, avança a TVI24. 

A mulher sofria de Alzheimer e não podia estar sozinha.

Elisabete Cabral, sobrinha da vítima, adiantou ao canal da estação de Queluz que um funcionário do hospital terá chamado um táxi para levar a tia a casa após ter alta, visto que esta não tinha condições para se deslocar sozinha.

"Ligámos para uma central de táxis, onde nos disseram que foi chamado um táxi para o hospital a essa hora", garantiu a familiar, que revelou ainda que o taxista terá feito o percurso até ao Hospital de Alcoitão e voltado para trás, até às urgências.

Agora, a família da vítima acusa o Hospital de Cascais de falta de apoio e lamenta o "desfecho trágico". Entretanto, a direção do hospital já reagiu através de um comunicado, no qual sublinhou que foram cumpridos "todos os protocolos estabelecidos para o efeito".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório