Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2020
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Covid-19: Caso suspeito encaminhado para o Curry Cabral resultou negativo

O caso suspeito de infeção pelo coronavírus Covid-19 em Portugal encaminhado este domingo para o Hospital Curry Cabral, em Lisboa, resultou negativo após análises, anunciou hoje a Direção-Geral de Saúde (DGS). Entretanto, o número de mortos na China continental subiu para 1.770, ao mesmo tempo que foram registados 2.048 novos casos de infeção.

Covid-19: Caso suspeito encaminhado para o Curry Cabral resultou negativo
Notícias ao Minuto

00:27 - 17/02/20 por Lusa

País Covid-19

Num comunicado hoje divulgado, a DGS refere que "o oitavo caso suspeito de infeção por novo Coronavírus (COVID-19) em Portugal, que foi encaminhado para o Hospital Curry Cabral, Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central, resultou negativo após realização de análises laboratoriais pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA), com duas amostras biológicas negativas".

A DGS tinha anunciado no domingo a existência de dois novos casos suspeitos de infeção pelo coronavírus Covid-19 em Portugal.

Falta saber o resultado das análises ao caso encaminhado para o Centro Hospitalar Universitário de São João, no Porto.

O Curry Cabral e o São João são hospitais de referência para estas situações.

Estes são o oitavo e o nono casos suspeitos de infeção pelo novo Coronavírus em Portugal, sendo que nenhum dos casos anteriores se confirmou.

Todos os outros casos suspeitos em Portugal resultaram negativos.

Sobe para 1.770 número de mortos na China continental

O número de mortos devido ao Covid-19 na China continental subiu esta segunda-feira para 1.770, ao mesmo tempo que foram registados 2.048 novos casos de infeção.

A Comissão de Saúde da China disse que o número de infetados pelo Covid-19 ascendeu a 70.548. Entre os novos casos, 1.933 são da província de Hubei, centro do surto.

Das 105 mortes registadas nas últimas 24 horas, 100 ocorreram em Hubei.

A Comissão de Saúde da China acrescentou que existem 10.644 casos graves de infeção pela doença, enquanto 10.844 pessoas foram curadas e já receberam alta.

Estão ainda a ser acompanhadas 546.016 pessoas que mantiveram contacto próximo com os infetados, sublinhou.

Além de 1.770 mortos na China continental, há a registar um morto na região chinesa de Hong Kong, um nas Filipinas, um no Japão e um em França.

As autoridades chinesas isolaram várias cidades da província, situada no centro da China, para tentar controlar a epidemia, uma medida que abrange cerca de 60 milhões de pessoas.

Segundo o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), há 44 casos confirmados na União Europeia e no Reino Unido.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório