Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2020
Tempo
MIN 8º MÁX 20º

Edição

Coronavírus. "Algumas medidas estão a ser tomadas neste momento"

A ministra da Sáude informou que Portugal está a a acompanhar "com grande atenção" a situação de propagação do novo vírus que surgiu China.

Coronavírus. "Algumas medidas estão a ser tomadas neste momento"

A ministra da Saúde garantiu, durante a manhã desta terça-feira, que a tutela está a acompanhar "com grande atenção" a situação de propagação do novo vírus que surgiu em Wuhan, na China, e que já provocou seis mortos, num quadro total de 291 infetados com casos também identificados noutros países, como a Coreia do Sul e Taiwan. 

"Estamos a acompanhar a situação com grande atenção através da Direção-Geral da Saúde [DGS]. Ainda há momentos trocava informações com a directora da DGS. Como se sabe, hoje, vai decorrer uma reunião da Organização Mundial de Saúde sobre esta questão que terminará com mais informação", começou por afirmar Marta Temido em declarações prestadas em direto para as televisões nacionais, à margem de um debate sobre hospitalização domiciliária que decorreu em Beja. 

A governante adiantou também que em Portugal já estão a ser implementadas "algumas respostas específicas" para lidar com este novo vírus, mas que, ao longo do dia, a DGS irá prestar "mais pormenores" sobre a atuação pensada para o país. "Algumas medidas de organização estão a ser tomadas neste momento", frisou. 

A ansiedade em torno da doença aumentou depois de um especialista do Governo chinês ter assumido que o novo tipo de coronavírus, uma espécie de vírus que causa infeções respiratórias em seres humanos e animais, é transmissível entre seres humanos. Até à data, as autoridades diziam que não havia evidências nesse sentido.

Esta semana foram diagnosticados novos casos em Pequim, Xangai. Guangdong, a província chinesa que faz fronteira com Macau, detetou 14 casos, incluindo três em Zhuhai, cidade que tem dois postos fronteiriços com Macau.

Fora da China, quatro casos do novo coronavírus foram confirmados entre viajantes chineses na Coreia do Sul, Japão e Tailândia, todos também oriundos de Wuhan.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório