Meteorologia

  • 04 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

Madeira convida Marcelo Rebelo de Sousa a visitar Convento de Santa Clara

O Governo da Madeira vai convidar o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a visitar as obras em curso no Convento de Santa Clara, no Funchal, durante as celebrações do Dia de Portugal, anunciou hoje Miguel Albuquerque.

Madeira convida Marcelo Rebelo de Sousa a visitar Convento de Santa Clara

"Se o senhor Presidente tiver ocasião, gostaria que ele visitasse esta obra, porque é, de facto, uma das obras mais importantes que estão a decorrer no país de reabilitação do nosso património histórico", afirmou o líder do executivo, o social-democrata Miguel Albuquerque.

Este ano, as comemorações do 10 de Junho - Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas - decorrem na Região Autónoma da Madeira, sendo que a cerimónia principal terá lugar na Avenida do Mar, a mais emblemática artéria marginal da cidade do Funchal.

O chefe do executivo regional deslocou-se hoje ao Convento de Santa Clara, no centro da capital madeirense, onde decorrem trabalhos de beneficiação e reabilitação total do complexo, orçadas em 1,2 milhões de euros.

"É uma obra muito importante, uma obra que dignifica a Madeira e dignifica o país", sublinhou Albuquerque, lembrando que o Convento de Santa Clara é um edifício classificado como monumento nacional desde 1940.

A primeira fase da empreitada, que deverá ficar concluída em 2021, visa a recuperação das áreas visitáveis, nomeadamente igreja, coro alto e antecâmaras, salas de exposição, capelas, área de reserva, claustro e portaria.

O Convento de Santa Clara é o único na Madeira datado do século XV (a construção teve início em 1492), sendo uma das casas religiosas mais importantes a nível nacional naquela época e contém, no seu espólio, pinturas, esculturas, azulejos, talha, mobiliário, elementos construtivos e decorativos únicos.

A segunda fase das obras irá incidir na conservação e restauro do património artístico, móvel e integrado, do qual se destacam as pinturas, esculturas, talhas e azulejaria.

Numa terceira fase, a intervenção consistirá em dotar o edifício de um percurso visitável.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório