Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2021
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Crise política na Venezuela na agenda da cimeira de chefes de Estado

A 48.ª cimeira MERCOSUL, marcada para a próxima sexta-feira, em Brasília, na qual o Brasil passará a Presidência rotativa do grupo para o Paraguai, vai debater, entre outros pontos a situação social e política na Venezuela.

Crise política na Venezuela na agenda da cimeira de chefes de Estado
Notícias ao Minuto

09:40 - 14/07/15 por Lusa

Mundo MERCOSUL

Outros pontos da agenda da cimeira de chefes de Estado da organização, em que participarão ainda representantes da Argentina, Uruguai e Venezuela, são a construção de um acordo comercial com a União Europeia e a adesão da Bolívia.

O Presidente boliviano, Evo Morales, pode ser um obstáculo para o acordo entre os blocos económicos europeu e sul-americano.

"Se o MERCOSUL quer forjar um acordo de livre-comércio com a UE, a Bolívia terá que se retirar", afirmou Morales no mês passado, citado pela agência noticiosa Efe.

O avanço do acordo tem sido defendido pelo Brasil, mas existem divergências nas áreas industrial e agrícola além da resistência de outros membros do MERCOSUL.

Um dia antes, na quinta-feira, ocorrerão a 48.ª Reunião Ordinária do Conselho do Mercado Comum e a 42.ª Reunião Ordinária do Foro Consultivo de Municípios, Estados Federados, Províncias e Departamentos do bloco.

Além dos membros plenos do MERCOSUL, também participarão na cimeira os Estados Associados Chile, Peru, Equador, Bolívia, Colômbia, Suriname e Guiana. Esta será a primeira vez que o Paraguai assumirá a Presidência do grupo após a destituição do ex-presidente Fernando Lugo, em 2012, considerada pelo bloco uma quebra na democracia do país.

A Cimeira de chefes de Estado ocorre na sexta-feira, mas as últimas reuniões de trabalho comandadas pela Presidência temporária do Brasil começaram segunda-feira em Brasília.

Durante esta semana, haverá encontros do fórum de consulta e coalizão política do bloco e de Estados Associados, do fórum Consultivo Económico e Social, e de especialistas na Redução de Riscos de Desastres Socio-ambientais, Defesa Civil, Proteção e Assistência Humanitária.

Para hoje está agendada a realização do fórum empresarial do bloco, na cidade de Belo Horizonte, para fomentar a integração dos países nas áreas de promoção comercial e atração de investidores. Já entre os dias 14 e 16 de julho, haverá a Cimeira Social do MERCOSUL, com organizações da sociedade civil e movimentos sociais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório