Meteorologia

  • 10 AGOSTO 2020
Tempo
24º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

Estalar ou não estalar os dedos, eis a questão

Lembra-se de quando era mais novo, sempre que estalava os dedos da mão, ouvir um aviso dos pais? “Não faças isso”, diziam. Porém, a ciência descobriu que , afinal, estalar os dedos até pode fazer bem.

Cientistas da Universidade de Alberta, no Canadá, lançaram novos dados no debate que se desenvolveu ao longo de anos sobre o estalar dos dedos, segundo dá conta o The Mirror.

Ao filmarem o ato de estalar os dedos em grande detalhe os investigadores da universidade canadense descobriram que nesse instante se dá uma espécie de ‘flash’, que faz com que a superfície das articulações se separe e que o fluído que as une se ‘desagregue’, permitindo a existência de um espaço vazio.

“É um pouco como formar um vácuo. Quando as articulações se separam, deixa de haver fluído disponível para preencher o espaço deixado vazio, portanto cria-se uma espécie de cavidade que é associado ao som de estalar”, refere um dos investigadores.

Até agora, não foi possível concluir se o ato de puxar os dedos é ou não positivo para a saúde, mas pode ser um indicador de saúde das articulações. Porém, a investigação não terá sido em vão, uma vez que permitiu aos estudiosos prever de forma mais eficaz lesões deste género.

Para já, deixamos-lhe o vídeo partilhado pelos investigadores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório