Meteorologia

  • 23 MAIO 2024
Tempo
24º
MIN 12º MÁX 24º

"Rússia não tem números necessários para alcançar um avanço estratégico"

A NATO revelou hoje que a Rússia não tem capacidade militar suficiente para uma grande progressão na Ucrânia, depois de uma reunião no quartel-general da Aliança Atlântica, em Bruxelas.

"Rússia não tem números necessários para alcançar um avanço estratégico"
Notícias ao Minuto

18:46 - 16/05/24 por Lusa

Mundo NATO

"A Rússia não tem os números necessários para alcançar um avanço estratégico, não acreditamos nisso e, em concreto, não tem as competências e a capacidade para o fazer", disse o Comandante Supremo Aliado para a Europa (SACEUR), Christopher G. Cavoli, em conferência de imprensa conjunta com o presidente do Comité Militar da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), Rob Bauer.

As tropas russas "têm a capacidade para fazer ligeiros avanços e é isso que tem acontecido", admitiu o general norte-americano.

Já Rob Bauer disse que "as circunstâncias não se alteraram ao ponto de a Ucrânia querer avançar para uma negociação" para um cessar-fogo.

"A reunião entre [Vladimir] Putin [Presidente russo] e Xi [Jinping, Presidente da China] não alterou as circunstâncias", completou, numa altura em que as tropas russas estão a reconquistar alguns zonas de Kharkiv.

O presidente do Comité Militar da Aliança Atlântica assegurou "que o apoio está a caminho" da Ucrânia e que vários países reafirmaram a intenção de continuar a apoiar o país invadido há dois anos, mas apenas referiu o que já era conhecido, como um terceiro sistema de defesa antiaéreo Patriot disponibilizado pela Alemanha.

Leia Também: NATO avisa que lei da Geórgia afasta país de integração euro-atlântica

Recomendados para si

;
Campo obrigatório