Meteorologia

  • 21 JUNHO 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 24º

Biden condenou a "tentativa de assassinato" do primeiro-ministro eslovaco

O Presidente norte-americano, Joe Biden, condenou a "tentativa de assassinato" hoje do primeiro-ministro eslovaco, Robert Fico, no âmbito de um "horrível ato de violência".

Biden condenou a "tentativa de assassinato" do primeiro-ministro eslovaco
Notícias ao Minuto

18:14 - 15/05/24 por Lusa

Mundo Joe Biden

"Estou alarmado com a notícia do ataque ao primeiro-ministro eslovaco Robert Fico", afirmou Biden numa declaração oficial da Casa Branca, referindo estar, juntamente com a sua mulher, Jill, a "rezar pela rápida recuperação" do governante da Eslováquia.

"Apoiamos a sua família e o povo da Eslováquia. Condenamos este horrível ato de violência", acrescentou o líder dos Estados Unidos, sublinhando que a embaixada norte-americana em Bratislava "está em estreito contacto com o governo e pronta a ajudar".

O primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, também comentou o ataque a Fico.

"Estamos chocados com estas notícias terríveis. Estamos com o primeiro-ministro Fico e a sua família", publicou o britânico, numa breve mensagem divulgada na rede social X.

O primeiro-ministro da Eslováquia, Robert Fico, está "entre a vida e a morte", segundo o governo de Bratislava, depois de hoje ter sido alvo de um atentado a tiro, de acordo com a sua página oficial no Facebook, indicando que as próximas horas "serão decisivas".

A televisão eslovaca TA3 descreveu que o líder eslovaco de 59 anos foi atingido no estômago por quatro tiros, disparados do lado de fora da Casa da Cultura, na cidade de Handlova, localizada a cerca de 150 quilómetros a nordeste da capital.

A polícia isolou o local e o suspeito foi detido.

O líder eslovaco foi transportado de helicóptero para Banská Bystrica, a 29 quilómetros de distância.

Leia Também: Biden e Trump vencem primárias de Maryland, Virgínia Ocidental e Nebrasca

Recomendados para si

;
Campo obrigatório