Meteorologia

  • 30 MAIO 2024
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 30º

Estradas inundadas, carros (quase) submersos: O Dubai após as chuvas

Chuvas superaram todos os recordes desde que os Emirados começaram a recolher dados de precipitação.

Notícias ao Minuto

15:19 - 19/04/24 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Dubai

Em (apenas) 24 horas, choveu o equivalente a dois anos no Dubai. As maiores chuvas torrenciais registadas nos últimos 75 anos nos Emirados Árabes Unidos - que ocorreram no início desta semana - tiraram a vida a pelo menos uma pessoa, danificaram infraestruturas públicas e privadas, cortaram estradas, fecharam escolas e provocaram constrangimentos no tráfego aéreo.

Segundo o Centro Nacional de Meteorologia (CNM), a cheia é "um acontecimento excecional na história climática" do país. O pico foi registado no emirado de Al Ain, onde a precipitação atingiu 254 mm em menos de 24 horas.

Agora, e após as chuvas que superaram todos os recordes desde que os Emirados começaram a recolher dados, é tempo de reparar os estragos e (tentar) regressar à normalidade.

O tráfego foi esta sexta-feira retomado progressivamente no aeroporto do Dubai, enquanto a cidade mais turística do golfo Pérsico continuava a funcionar a um ritmo mais lento. 

O aeroporto, um dos mais movimentados do mundo, deverá voltar à "plena capacidade dentro de 24 horas", garantiu o diretor de operações, Majed Al Joker, à agência noticiosa oficial WAM. Já de acordo com um porta-voz do aeroporto, foram cancelados 1.244 voos e 41 foram desviados desde terça-feira.

'Em terra', trabalhadores recolhem os veículos que foram abandonados durante as chuvas torrenciais pelos seus proprietários. Em alguns locais, as viaturas estão ainda (quase) submersas e as estradas mantêm-se inundadas.

Veja as imagens na galeria acima. 

Leia Também: Aeroporto do Dubai normaliza progressivamente após chuvas torrenciais

Recomendados para si

;
Campo obrigatório