Meteorologia

  • 21 JULHO 2024
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Cabo Verde e São Tomé e Príncipe preparam fórum de negócios

Cabo Verde deverá acolher entre setembro e outubro a próxima reunião da comissão mista com São Tomé e Príncipe, que poderá ser acompanhada por um fórum de negócios, anunciou hoje Patrice Trovoada, primeiro-ministro são-tomense.

Cabo Verde e São Tomé e Príncipe preparam fórum de negócios
Notícias ao Minuto

19:29 - 08/04/24 por Lusa

Mundo Cabo Verde

"Temos a ambição, na esteira das boas relações políticas da nossa fraternidade, conseguir desenvolver uma agenda económica", algo que deverá ganhar um novo impulso na próxima reunião da comissão mista, referiu Trovoada, no final de uma audiência concedida pelo primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva.

Os dois líderes de Governo encontraram-se à margem da conferência internacional sobre democracia, que decorre hoje e terça-feira, na ilha do Sal, Cabo Verde.

O encontro serviu para ambos discutirem as relações bilaterais e olharem para o calendário, prevendo reunir a comissão mista antes das eleições autárquicas em Cabo Verde.

Patrice Trovoada apontou para a realização, em paralelo, de "um fórum económico ou de investimento", para materializar uma ambição de "há muito tempo", de ver empresários de Cabo Verde em São Tomé e Príncipe e vice-versa.

Além do foco em setores de atividade específicos, os dois governos discutem como responder a "uma preocupação das comunidades" dos dois países, "as ligações aéreas entre São Tomé e Príncipe e Cabo Verde".

"O setor aéreo é bastante complexo, carece muitas vezes da intervenção do Estado ao nível das subvenções" e, no caso de Cabo Verde e São Tomé, há um "parceiro fundamental, Angola, que assegurava no passado as ligações entre Luanda, São Tomé e Praia", capital cabo-verdiana, referiu Patrice Trovoada.

Outra opção pode passar por companhias que passam por Cabo Verde e São Tomé, como a Asky.

"Estamos a trabalhar com todos. Sabemos que muita gente está a olhar para nós, à nossa espera, para ver se as famílias são-tomenses e cabo-verdianas se reencontram com mais frequência", referiu.

Os setores em foco no encontro deverão incluir a agricultura, pecuária e pesca, além de outra área em que Cabo Verde já colabora com São Tomé e Príncipe: "a capacitação dos recursos humanos, nomeadamente, no turismo. É um setor em que existe potencial para intervenção do setor privado cabo-verdiano", acrescentou.

"Estou convencido que, bem preparado, um fórum empresarial trará resultado concretos", concluiu.

Leia Também: Cabo Verde. Melhor resposta aos ataques à democracia "é mais democracia"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório