Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 26º

Região espanhola do País Basco com eleições em 21 de abril

O País Basco, no nordeste de Espanha, vai ter eleições legislativas regionais em 21 de abril, anunciou hoje o presidente do governo autonómico, Iñigo Urkullu.

Região espanhola do País Basco com eleições em 21 de abril
Notícias ao Minuto

18:45 - 22/02/24 por Lusa

Mundo Espanha

As legislativas no País Basco serão as segundas eleições deste ano em Espanha, depois das autonómicas da Galiza, no fim de semana passado.

Este ano poderá ainda haver eleições regionais na Catalunha, embora o prazo para serem convocadas se estenda até ao início de 2025.

O País Basco é atualmente governado por uma coligação liderada pelo Partido Nacionalista Basco (PNV, na sigla em castelhano), uma formação de centro-direita. O outro sócio do governo é o Partido Socialista (PSE-EE/PSOE).

Iñigo Urkullu, do PNV, lidera o governo basco há três legislaturas consecutivas, desde 2012, e não se recandidata nas eleições de abril.

O PNV anunciou já que o novo candidato a 'lehendakari' (chefe do governo do País Basco) é Imanol Pradales.

As eleições bascas realizam-se tradicionalmente no mês de abril, mas as anteriores foram em julho de 2020, por causa da pandemia de covid-19.

Nas eleições de 2020, o PNV foi o partido mais votado e elegeu 31 deputados do parlamento autonómico, seguindo-se os independentistas de esquerda EH Bildu (21 deputados) e os socialistas (10).

O atual parlamento regional tem ainda seis deputados da Esquerda Unida (IU, ex-partido comunista), cinco do Grupo Popular Basco (Partido Popular, direita), um do Vox (extrema-direita) e um do Cidadãos (liberais).

A convocatória das eleições compete ao conselho do governo regional, que hoje optou por 21 de abril para as legislativas deste ano.

A Constituição espanhola, no artigo 2.º, "reconhece e garante o direito à autonomia das nacionalidades e regiões" que integram Espanha "e a solidariedade entre todas elas".

Galiza, Catalunha e País Basco, onde são reconhecidos três idiomas oficiais além do castelhano (galego, catalão e 'euskera') são consideradas uma dessas "nacionalidades" da "Nação espanhola", cuja unidade é indissolúvel, segundo o mesmo artigo da Constituição.

Leia Também: Começou a campanha eleitoral para as eleições de 1 de março no Irão

Recomendados para si

;
Campo obrigatório