Meteorologia

  • 13 ABRIL 2024
Tempo
27º
MIN 16º MÁX 29º

Proteção Civil alerta para possibilidade de inundações e queda de árvores

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) alertou hoje para a possibilidade de inundações, quedas de árvores e acidentes rodoviários devido às previsões de chuva, neve, vento e agitação marítima para os próximos dias.

Proteção Civil alerta para possibilidade de inundações e queda de árvores
Notícias ao Minuto

17:55 - 22/02/24 por Lusa

País Mau tempo

O aviso à população da ANEPC tem por base a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) de períodos de chuva, em especial no Norte e Centro, podendo ocorrer trovoada e queda de neve acima dos 800 a 1.000 metros de altitude, com maior acumulação a partir dos 1.000 metros.

Está igualmente previsto vento até 35 quilómetros por hora, com rajadas até 85 km/hora, nas terras altas.

As ondas poderão atingir os 12 metros de altura, a norte do Cabo Raso.

A ANEPC alerta que é expectável piso rodoviário escorregadio, devido à acumulação de gelo, neve e formação de lençóis de água, bem como queda de neve em áreas e altitudes "onde habitualmente não se verifica".

Em comunicado, a Autoridade alertou igualmente para possíveis inundações "nos locais historicamente mais vulneráveis" e em zonas urbanas.

Sublinhe-se que o IPMA já tinha adiantado que esta mudança do estado do tempo "está associada ao enfraquecimento de um anticiclone que esteve localizado a oeste da Península Ibérica, permitindo a influência de uma vasta região depressionária centrada na região da Islândia, região essa com vários núcleos, a um dos quais está associada uma superfície frontal fria que afetará o continente nos próximos dias".

O Instituto indicou que um dos núcleos desta região depressionária, é a depressão Louis, nomeada na quarta-feira pela Meteo France (Serviço Meteorológico Francês),

Entre as medidas preventivas, a ANEPC recomenda uma maior atenção aos grupos mais vulneráveis: crianças nos primeiros anos de vida, doentes crónicos, pessoas idosas ou em condição de maior isolamento, trabalhadores que exerçam atividade no exterior e pessoas sem-abrigo.

Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos muito próximos da orla marítima são outras recomendações.

Leia Também: Mau tempo no Porto prolonga corte da Avenida D. Carlos I até domingo

Recomendados para si

;
Campo obrigatório