Meteorologia

  • 03 MARçO 2024
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 15º

Mulher morreu em Madrid após ser estrangulada pelo companheiro

O ataque ocorreu em casa da vítima, onde também estavam os seus dois filhos.

Mulher morreu em Madrid após ser estrangulada pelo companheiro
Notícias ao Minuto

09:49 - 28/11/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Espanha

Uma mulher de 37 anos, que estava internada em estado muito grave desde sábado, em Madrid, Espanha, depois de ter sido agredida pelo companheiro, morreu esta segunda-feira.

Segundo o El País, a nova vítima de violência doméstica - mãe e filha foram mortas no mesmo contexto, no dia da agressão - estava no Hospital Gregorio Marañón, depois de ter sido agredida pouco depois das 19 horas de sábado, Dia contra a Violência de Género. Foi o agressor quem ligou para o 112 a revelar que tinha agredido a esposa.

À chegada, as autoridades foram recebidas pelo agressor, que lhes abriu a porta da casa. Lá, os agentes encontraram a mulher deitada de costas na sala. Esteve em paragem cardiorrespiratória, com sinais de asfixia, após sofrer estrangulamento, pelo que lhe foram feitas a manobras de reanimação cardiopulmonar.

A polícia conseguiu reanimar a vítima com um desfibrilador, e esta foi estabilizada pelos profissionais de saúde e transferida para o Hospital Gregorio Marañón, em situação de "extrema gravidade", avança o mesmo jornal. 

Na casa onde ocorreu o crime estavam os dois filhos do casal, de 2 e 3 anos, que contaram aos agentes que o pai tinha batido na mãe e gritado com ela. Os menores foram acompanhados por psicólogos e depois entregues aos avós maternos.

O agressor é um homem de 42 anos, espanhol e militar de profissão. O caso é agora investigado como tentativa de homicídio.

Leia Também: Mulher detida em Espanha após raptar menor nos Países Baixos

Recomendados para si

;
Campo obrigatório