Meteorologia

  • 14 JULHO 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 26º

Ataques no norte da Nigéria fazem pelo menos 54 mortos

Pelo menos 54 pessoas morreram no sábado na sequência de um ataque de homens armados nos estados de Zamfara e Benue, na Nigéria, noticia hoje a agência espanhola de notícias, a EFE, citando organizações da sociedade civil.

Ataques no norte da Nigéria fazem pelo menos 54 mortos
Notícias ao Minuto

10:58 - 05/06/23 por Lusa

Mundo Nigéria

Em Zamfara, no noroeste da Nigéria, os homens armados irromperam em várias aldeias do governo local de Maradun, e mataram pelo menos 30 pessoas, fazendo vários feridos.

"Os bandidos, em grande número, invadiram Sakida e outras povoaçoes de Maradun no sábado à tarde, disparando sobre toda a gente", disse o secretário da Coligação da Sociedade Civil de Zamfara à EFE, acrescentando que os bandidos, designação normalmente usada para designar os muitos grupos criminosos que operam no norte da Nigéria, "assaltaram casas e obrigaram os aldeões a saírem antes de os matar".

No outro ataque de sábado, a Benue, os homens armados chegaram de mota, invadiram as comunidades da área do governo local de Katsina-Ala, e mataram pelo menos 24 pessoas, disse o presidente do partido Congresso da Juventude de Benue: "Chegaram em várias motas e dispararam, queimaram casas, e não sabemos o motivo do ataque nem quem são os autores", afirmou Ongu Anngu.

Benue tem registado nos últimos anos casos de violência entre os agricultores locais, predominantemente católicos, e os pastores de origem muçulmana, originada pela escassez de terra e pela necessidade de partilha das mesmas terras.

A esta insegurança soma-se a presença, desde 2009, do grupo terrorista Boko Haram no noroeste do país e, a partir de 2016, do Estado Islâmico na Província da África Ocidental (ISWAP, na sigla em inglês), nascido de uma cisão dentro do Boko Haram.

Leia Também: Operação contra "fábrica de bebés" na Nigéria. Seis grávidas resgatadas

Recomendados para si

;
Campo obrigatório