Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 26º

Autor do tiroteio em centro comercial no Texas tinha crenças nazistas

O homem que matou a tiro oito pessoas num centro comercial do Texas, no sábado, tinha tatuagens nazistas e postava crenças racistas na internet, apesar da sua origem hispânica.

Autor do tiroteio em centro comercial no Texas tinha crenças nazistas
Notícias ao Minuto

23:45 - 09/05/23 por Lusa

Mundo Texas

Mauricio Garcia, de 33 anos, expressou o ódio por mulheres, judeus e "diversidade" e fez referências a uma milícia de extrema-direita na rede social russa OK.RU, antes de realizar o ataque.

O homem também enviou fotos das suas armas, bem como da cruz nazi tatuada no peito e do logótipo da Waffen SS no antebraço.

A sua página, denominada "PsycoVision5" e que destaca um sorriso com bigode de Hitler, no entanto, nada mostra que pertença a um grupo ou que seja apoiado por uma entidade.

No sábado, Mauricio Garcio disparou num centro comercial em Allen, no sul dos Estados Unidos, matando oito pessoas, incluindo três crianças, antes de ser morto pela polícia.

Os investigadores estão a analisar os documentos que postou online, mas a polícia até agora não informou sobre o motivo ou ideologia.

Nas suas publicações, apresentava-se como um "Incel", abreviatura de "involuntariamente celibatário", termo que designa homens que se tornaram hostis às mulheres após frustrações românticas ou sexuais.

Ao lado de fotos de grupos neonazistas, escreveu: "Esse é o meu tipo de cara".

Na segunda-feira, o Pentágono revelou que o homem foi demitido do Exército dos EUA em 2008, três meses após ser recrutado, mesmo antes de terminar as aulas.

Segundo uma fonte citada pela imprensa americana, foi descartado por problemas de saúde mental.

Leia Também: Texas. William de 6 anos sobreviveu a tiroteio, mas perdeu pais e irmão

Recomendados para si

;
Campo obrigatório