Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
32º
MIN 18º MÁX 37º

Wagner oferece 14 milhões pela 'cabeça' do ministro da Defesa italiano

O grupo mercenário russo Wagner está a oferecer uma recompensa de 15 milhões de dólares (cerca de 14,2 milhões de euro) pela captura ou eliminação do ministro da Defesa italiano, Guido Crosetto, revelou hoje o jornal Il Foglio.

Wagner oferece 14 milhões pela 'cabeça' do ministro da Defesa italiano
Notícias ao Minuto

19:02 - 15/03/23 por Lusa

Mundo Guerra na Ucrânia

A recompensa oferecida pelo grupo mercenário russo foi sinalizada ao ministro pelos serviços de inteligência italianos há cerca de 10 dias, de acordo com o mesmo jornal, citado pela agência de notícias italiana ANSA.

O Il Foglio noticiou ainda que Crosetto não aumentou o seu destacamento de segurança, apesar da ameaça.

No início desta semana, Crosetto acusou o grupo Wagner de expulsar migrantes de África, especialmente da Líbia, em retaliação ao apoio de Roma à Ucrânia.

A Wagner, que é mais conhecida atualmente pelo seu papel na invasão russa da Ucrânia, também está ativa no Mali, República Centro-Africana, Sudão, Síria e Líbia.

O fundador do grupo Wagner, Yevgeny Prigojine, respondeu às acusações de Crosetto de que o grupo mercenário estava a impulsionar a migração de vários países africanos para Itália, dizendo que o grupo não lidava com migrantes.

Prigojine chamou ainda a Crosetto 'mudak', um termo russo muito ofensivo que significa literalmente testículo, mas que costuma significar idiota.

Crosetto acusou a empresa privada russa pró-Kremlin de travar uma "guerra híbrida" e de impulsionar a migração nos países africanos onde está presente.

Itália é abrangida pela chamada rota do Mediterrâneo Central, que sai da Líbia, Argélia e da Tunísia em direção à Europa, nomeadamente aos territórios italiano e maltês.

O número de chegadas de migrantes pela rota do Mediterrâneo central aumentou 116% em janeiro e fevereiro em comparação com 2022, segundo a Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (Frontex).

Leia Também: Deputados italianos denunciaram há 2 anos atividades do grupo Wagner

Recomendados para si

;
Campo obrigatório