Meteorologia

  • 05 FEVEREIRO 2023
Tempo
15º
MIN 8º MÁX 18º

"Espanha está pronta" a enviar tanques Leopard 2 para Kyiv

A Espanha está "pronta" para enviar tanques 'Leopard 2' para a Ucrânia e treinar soldados ucranianos para a sua utilização, disse hoje a ministra da Defesa espanhola, após o aval da Alemanha para a entrega deste armamento.

"Espanha está pronta" a enviar tanques Leopard 2 para Kyiv
Notícias ao Minuto

14:53 - 25/01/23 por Lusa

Mundo Leopard 2

"A Espanha está pronta" para ajudar a Ucrânia com "o envio de tanques 'Leopard'", mas também participando no "treino" de soldados ucranianos para a "utilização" e a "manutenção" destes veículos pesados, garantiu Margarita Robles num comunicado divulgado pela televisão pública espanhola.

"A Espanha está onde deveria estar (...). No plano internacional, não seria compreendido se nós não estivéssemos associados" ao envio dos tanques, declarou Félix Bolaños, ministro da Presidência e braço direito do primeiro-ministro espanhol, Pedro Sanchez.

Nem Margarita Robles nem Felix Bolaños especificaram nesta fase o número de tanques que poderiam ser enviados por Madrid à Ucrânia.

Segundo o Instituto Internacional de Estudos Estratégicos (IISS, sigla em inglês), a Espanha possui 327 tanques 'Leopard'.

A Alemanha autorizou o envio de carros de combate 'Leopard 2', de fabrico alemão, para os militares ucranianos combaterem a invasão russa e aprovou os pedidos de outros países no mesmo sentido, segundo o porta-voz do executivo de Berlim.

Entretanto, mais cedo, o Governo espanhol, através da ministra dos Direitos Sociais e para a Agenda 2030, Ione Belarra, comentou a decisão alemã e considerou que o envio dos blindados 'Leopard' para a Ucrânia "apenas contribui para uma escalada bélica, advertindo que "poderá levar a uma resposta imprevisível e muito perigosa da Rússia".

Belarra, que falava à margem da inauguração de um evento organizado pela Rede Europeia de Luta contra a Pobreza e a Exclusão Social no Estado Espanhol (EAPN-ES), defendeu, desta forma, a resolução do conflito entre a Ucrânia e a Rússia através da via diplomática.

"Muitos especialistas têm alertado para o facto de os 'Leopard' só contribuírem para a escalada da guerra e que tal poderá desencadear uma resposta imprevisível e muito perigosa da Rússia", sublinhou Belarra.

Por outro lado, o Reino Unido, França e Polónia congratularam-se hoje com a decisão de Berlim autorizar o envio dos tanques 'Leopard 2' para a Ucrânia, com Espanha a alertar para o perigo de uma escalada da guerra contra a Rússia.

Num comunicado, o Governo alemão declarou que, inicialmente, fornecerá à Ucrânia 14 dos seus tanques 'Leopard 2 A6'. A Alemanha e respetivos aliados deverão fornecer ao exército ucraniano um total de 88 tanques.

"Esta decisão segue a nossa linha conhecida de apoiar a Ucrânia da melhor maneira possível. Atuamos internacionalmente de maneira altamente coordenada", declarou o chanceler alemão, Olaf Scholz, citado por Hebestreit.

Leia Também: "Importante e oportuno". Zelensky agradece envio dos tanques Leopard 2

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório