Meteorologia

  • 29 JANEIRO 2023
Tempo
10º
MIN 4º MÁX 12º

Cão recusa-se a sair do cemitério. Dono morreu há sete anos

O patudo tem atualmente 15 anos. Quase metade da sua vida foi passada no cemitério ao lado daquele que é o seu melhor amigo.

Cão recusa-se a sair do cemitério. Dono morreu há sete anos
Notícias ao Minuto

16:14 - 02/12/22 por Daniela Carrilho

Mundo Brasil

Dizem que o cão é o melhor amigo do homem e este provou-o, mesmo após a morte do seu tutor. Joel Xavier morreu cedo demais e deixou só o seu amigo de quatro patas, Risadinha. 

De acordo com o G1, o homem recebeu o cão ainda bebé e, desde então, levava-o para onde quer que fosse até ao dia da sua morte.

Ao sentir a falta do dono, o patudo fugiu de casa para o procurar. Sozinho, acabou por encontrar o seu túmulo no Cemitério Municipal de Capão Bonito, no estado de São Paulo, no Brasil.

O irmão do dono revelou ao jornal brasileiro que tentou levá-lo para casa, mas o animal não quis sair de perto da campa e por ali ficou. Passaram sete anos.

Ao longo do tempo, acabou por ser ‘adotado’ pelas pessoas daquela região e foi rebatizado com um novo nome: Sorriso. Os populares dão-lhe água e comida e até lhe montaram uma casota para ali viver mais confortavelmente.

Sorriso tem atualmente 15 anos. Quase metade da sua vida foi passada no cemitério ao lado daquele que ele considerou - e continua a considerar - o seu melhor amigo.

Leia Também: O dono de Vaguito era pescador e morreu. Cão passa dia a olhar para o mar

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório