Meteorologia

  • 30 JANEIRO 2023
Tempo
MIN 3º MÁX 12º

Sobe para quatro o número de vítimas do massacre em escolas do Brasil

Última morte foi a de uma professora que estava no Hospital Estadual Dr. Jayme dos Santos Neves.

Sobe para quatro o número de vítimas do massacre em escolas do Brasil
Notícias ao Minuto

09:34 - 27/11/22 por Notícias ao Minuto

Mundo anacruz

Subiu para quatro o número de vítimas mortais no ataque a tiro levado a cabo em duas escolas de Aracruz, no estado brasileiro do Espírito Santo, na sexta-feira, depois de uma professora de 38 anos sucumbir aos ferimentos.

A morte foi confirmada na tarde de sábado pela Secretaria da Saúde do Espírito Santo.

Flavia Amoss Merçon Leonardo, que dava aulas na primeira escola a ser atacada, estava no Hospital Estadual Dr. Jayme dos Santos Neves (HEJSN), na Serra.

O incidente causou outros três mortos (duas professoras e uma menina de 12 anos) e dez pessoas continuam hospitalizadas com lesões de gravidade variável.

Além de Flavia, morreram nos ataques a estudante Selena Zagrillo, de 12 anos, e as professoras Maria da Penha Pereira de Melo Banhos de 48 anos, e Cybelle Passos Bezerra, de 45 anos.

Recorde-se que, na sexta-feira de manhã, um adolescente se dirigiu à Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Primo Bitti e começou a disparar mal entrou no recinto. Depois, deslocou-se à sala dos professores, onde matou as duas docentes.

De seguida, deslocou-se de carro até à escola particular Centro Educacional Praia de Coqueiral, provocando a morte da criança.

O suspeito, cuja identidade não foi divulgada, foi detido durante a tarde.

Leia Também: Quem são os mortos? Tudo o que se sabe sobre ataque a escolas no Brasil

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório