Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2022
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 14º

União Europeia prepara nono pacote de sanções contra Rússia

O anúncio foi feito pela presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

União Europeia prepara nono pacote de sanções contra Rússia
Notícias ao Minuto

11:53 - 24/11/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Ucrânia/Rússia

A Comissão Europeia (CE) anunciou, esta quinta-feira, que está a ser preparado o próximo pacote de sanções contra a economia russa, de modo a impactar a capacidade bélica do país contra a Ucrânia.

A presidente da CE, Ursula von der Leyen, mostrou confiança que a nova vaga de sanções irá ferir o esforço de guerra russo, como demonstrou durante numa conferência de imprensa, citada pela agência Reuters.

"Estamos a trabalhar intensamente para atingir a Rússia onde dói e reduzir ainda mais a sua capacidade de travar uma guerra contra a Ucrânia", referiu, anunciando que estão a "trabalhar a toda a velocidade num nono pacote de sanções".

"E estou confiante de que iremos em breve aprovar um teto global ao preço do petróleo russo com o G7 e outros grandes parceiros. Não descansaremos enquanto a Ucrânia não prevalecer sobre Putin e a sua guerra bárbara e ilegal", rematou.

Esta quinta-feira, a comissária europeia da Energia, Kadri Simson, já tinha admitido que os Estados-membros estão receosos quanto a um mecanismo que limite o preço na bolsa europeia de gás natural, especialmente da parte da Alemanha e Espanha. A proposta começa a ser debatida esta quinta-feira em Bruxelas.

Sobre o nono pacote de sanções, a presidente da Comissão Europeia não especificou que atividades ou setores serão impactados pelas sanções.

No mês passado, a União Europeia acordou um oitavo pacote de sanções, que afetou particularmente as transações comerciais de produtos tecnológicos e de aço com entidades russas.

Na conferência de imprensa em que anunciou o nono pacote de sanções, Ursula von der Leyen esteve ao lado das primeiras-ministras da Finlândia e da Estónia, Sanna Marin e Kaja Kallas, respetivamente, e as três líderes condenaram ainda os ataques das forças russas a estruturas energéticas críticas na Ucrânia, e os apagões em todo o país que têm surgido como principal consequência.

Leia Também: UE admite que "muitos países têm receios" sobre teto na bolsa do gás

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório