Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Número de mortos devido a surto de Ébola no Uganda sobe para nove

O surto epidémico de Ébola no centro do Uganda já provocou nove mortos em duas semanas, anunciaram hoje as autoridades sanitárias ugandesas.

Número de mortos devido a surto de Ébola no Uganda sobe para nove
Notícias ao Minuto

20:01 - 03/10/22 por Lusa

Mundo Ébola

Um anterior relatório do Ministério da Saúde dava conta de sete mortos devido ao vírus Ébola muitas vezes fatal, mas para o qual existem vacinas e tratamentos contra essa febre hemorrágica, que é transmitida aos humanos por animais infetados.

De acordo com uma publicação hoje na rede social Twitter, o Ministério da Saúde revela que dois novos casos foram identificados, elevando o número total de casos desde o início da epidemia para 43 e o número de mortes para nove.

Cerca de 882 casos de contacto foram reportados.

A ministra da Saúde, Jane Ruth Aceng Ocero, anunciou no sábado a primeira morte de um médico devido ao Ébola.

O Presidente, Yoweri Museveni, descartou na semana passada qualquer bloqueio, dizendo que o país tinha capacidade para conter o surto.

O Uganda já registou anteriormente surtos de Ébola, uma doença que matou milhares de pessoas em toda a África desde a descoberta em 1976 na vizinha República Democrática do Congo.

As autoridades ugandesas anunciaram em 23 de setembro a morte de um homem de 24 anos por Ébola na região central de Mubende, a primeira desde 2019.

O caso do falecido veio de uma cepa "relativamente rara" designada sudanesa, que não era relatada no Uganda desde 2012, anunciou a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A transmissão humana é através de fluidos corporais, sendo os principais sintomas febre, vómitos, hemorragias e diarreias.

As pessoas infetadas só se tornam contagiosas após o início dos sintomas, após um período de incubação que varia de dois a 21 dias.

A doença tem seis estirpes diferentes, três das quais (Bundibugyo, Sudão, Zaire) já causaram grandes epidemias.

Leia Também: RDCongo anuncia fim de recente surto de Ébola, mas deixa alerta

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório