Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 19º

Nove civis, entre os quais uma bebé, mortos por soldados nos Camarões

Nove civis, incluindo uma bebé, foram mortos em 01 de junho por soldados no noroeste dos Camarões, região anglófona cenário de confrontos desde há cinco anos entre o Exército e separatistas, anunciou hoje o Ministério da Defesa.

Nove civis, entre os quais uma bebé, mortos por soldados nos Camarões

Uma patrulha de quatro soldados procurava um militar desaparecido quando se cruzou com "um grupo de aldeões" na localidade de Missong, lê-se num comunicado de imprensa distribuído pelo ministério.

Segundo a nota, os militares efetuaram vários disparos "numa reação inapropriada e inadequada às circunstâncias e manifestamente desproporcional" e os disparos provocaram a morte de quatro mulheres, quatro homens e uma menina de 18 meses.

Segundo o ministério tratou-se de um "mal-entendido" por parte da patrulha, tendo os soldados sido detidos.

As regiões noroeste e sudoeste do país, povoadas principalmente pela minoria de língua inglesa dos Camarões, são palco de uma guerra entre grupos armados separatistas e forças de segurança mobilizadas em massa, que já provocou mais de 6.000 mortos pessoas desde o final de 2016 e fez mais de 1 milhão de deslocados, segundo a organização não-governamental (ONG) International Crisis Group (ICG).

Parte da população anglófona sente-se marginalizada pela maioria francófona dos Camarões, país governado com mão de ferro há quase 40 anos pelo Presidente Paul Biya, de 89 anos.

Os rebeldes separatistas, bem como as forças armadas e a polícia, são regularmente acusados ??pelas Nações Unidas e organizações internacionais de praticarem crimes contra civis.

Leia Também: Três militares e quatro civis mortos pelo Boko Haram nos Camarões

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório