Meteorologia

  • 06 JULHO 2022
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 34º

Polícia de Nova Iorque detém suspeito de tiroteio fatal no metro

Andrew Abdullah, de 25 anos, foi preso na sequência da morte de Daniel Enriquez, de 48 anos, que foi abatido a tiro enquanto andava de metro no domingo de manhã.

Polícia de Nova Iorque detém suspeito de tiroteio fatal no metro
Notícias ao Minuto

23:18 - 24/05/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Tiroteio

Um homem suspeito de ter estado envolvido num tiroteio que decorreu no fim de semana e que resultou na morte de um passageiro do metro de Nova Iorque foi detido esta terça-feira, adiantaram fontes policiais, aqui citadas pela Reuters.

Andrew Abdullah, de 25 anos, foi preso na sequência da morte de Daniel Enriquez, de 48 anos, que foi abatido a tiro enquanto andava de metro no domingo de manhã, adiantou um porta-voz do Departamento de Polícia de Nova Iorque.

A Reuters diz ter fotografado o suspeito a entrar na 5.ª Esquadra da Polícia de Nova Iorque algemado e com uma escolta de detetives. Através de uma publicação na rede social Twitter, o Departamento de Polícia de Nova Iorque confirmou que "Andrew Abdullah se encontrava sob custódia".

Isto depois de, ainda hoje, a mesma conta no Twitter ter partilhado um 'post' onde dava conta de que as autoridades estavam à procura de Abdullah como se tratando do suspeito deste mesmo tiroteio, pedindo a ajuda da população para o localizar. Isto porque o mesmo terá fugido imediatamente do local, após o ataque

Daniel Enriquez, que trabalhava para o banco de investimento Goldman Sachs, estava no metro em direção a Manhattan quando levou um tiro no peito, sem antes ter provocado o atirador, informaram as autoridades. A vítima acabaria por ser dada como morta no Hospital de Bellevue.

Antes deste incidente, mais concretamente a 12 de abril, o metro nova-iorquino assistiu a um dos mais violentos ataques da sua história - após um homem ter acionado uma bomba de fumo e ter começado a disparar sobre aqueles que se encontravam à sua volta. O ataque deixou 23 pessoas feridas, tendo 10 delas sido atingidas por balas.

O suspeito desse ataque, Frank James, de 62 anos, foi preso um dia mais tarde. No início deste mês, viria a ser indiciado por terrorismo e por outras acusações federais.

Leia Também: Estados Unidos. Chihuahua sobrevive a tiro de flecha no pescoço

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório