Meteorologia

  • 29 MAIO 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 29º

Chefe da polícia de Israel visita pela 1.ª vez os Emirados Árabes Unidos

O chefe da polícia nacional de Israel, Kobi Shabati, deslocou-se hoje pela primeira vez aos Emirados Árabes Unidos (EAU) numa inédita viagem oficial destinada a impulsionar a cooperação no combate ao crime nos dois países.

Chefe da polícia de Israel visita pela 1.ª vez os Emirados Árabes Unidos
Notícias ao Minuto

19:44 - 06/02/22 por Lusa

Mundo Kobi Shabati

Na sequência da visita de Shabati, a polícia israelita vai designar um representante em Abu Dhabi que irá coordenar e dirigir uma unidade no Médio Oriente e em África, informou em comunicado um porta-voz oficial.

Shabati deverá manter contactos com representantes da polícia dos Emirados, em Abu Dhabi e no Dubai, para "estabelecer uma relação e iniciar a cooperação para combater o crime nos dois países", segundo o mesmo comunicado.

A visita de Shabati ocorre num momento em que Israel e os Emirados se comprometeram no reforço da cooperação em segurança e defesa, por partilharem ameaças regionais comuns, centradas no Irão e nas milícias armadas aliadas, incluindo o movimento rebelde iemenita dos Huthis, que nas últimas semanas atacaram o país árabe em várias ocasiões.

Os EAU ainda integram a aliança militar liderada pela Arábia Saudita que desde 2015 intervém no Iémen em apoio ao Governo instalado no sul do país.

Israel e os Emirados estabeleceram laços diplomáticos em setembro de 2020, no âmbito dos Acordos de Abraham, e desde então as relações estreitaram-se em particular na área económica, com um comércio bilateral que ultrapassou um milhão de dólares (870 mil euros), mas também a nível político.

O Presidente de Israel, Isaac Herzog, visitou os Emirados na semana passada na primeira viagem de um chefe de Estado israelita a um país do Golfo, tendo mantido um longo e cordial encontro com o príncipe herdeiro e líder de facto do país, Mohamed bin Zayed.

O primeiro-ministro israelita, Naftali Bennett, deslocou-se à monarquia do Golfo em novembro de 2021, e convidou formalmente Mohamed bin Zayed a visitar Israel, que aceitou a proposta.

Leia Também: Israel regista recorde de doentes internados em estado grave

Recomendados para si

;
Campo obrigatório