Meteorologia

  • 29 MAIO 2022
Tempo
20º
MIN 16º MÁX 22º

PR timorense exonera comandante militar que se quer candidatar ao cargo

O Presidente da República timorense exonerou hoje o chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA), Lere Anan Timur, permitindo que este apresente a sua candidatura às eleições presidenciais de 19 de março.

PR timorense exonera comandante militar que se quer candidatar ao cargo

exonerado o tenente-general Tito da Costa Cristóvão (Lere Anan Timur) do cargo de chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas", refere o curto decreto de Francisco Guterres Lú-Olo, que entra em vigor hoje.

Num segundo decreto, o chefe de Estado promove o major-general Domingos Raul (Falur Rate Laek) ao posto de tenente-general, nomeando-o, num terceiro texto, como sucessor de Lere Anan Timur no comando das Forças de Defesa de Timor-Leste (F-FDTL).

Os decretos, publicados no Jornal da República, foram assinados pelo Presidente da República depois de uma reunião do Conselho Militar e de uma proposta nesse sentido do Governo, e após ser ouvido na quinta-feira o Conselho Superior de Defesa e Segurança.

A mudança no comando foi suscitada depois de Lere Anan Timur anunciar a sua demissão do cargo para poder apresentar-se às urnas nas eleições de 19 de março.

Por decidir ficaram, para já, duas outras propostas do Governo, nomeadamente a nomeação do brigadeiro-general Calisto dos Santos Coli (Coliati) para o cargo de vice-chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas e a nomeação do comodoro Pedro Klamar Fuik para o cargo de chefe do Estado-Maior da Armada.

Leia Também: Timor-Leste apresenta candidatura a Conselho de Direitos Humanos da ONU

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório