Meteorologia

  • 18 MAIO 2022
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 25º

Austrália adquire direitos de autor da bandeira aborígene e 'liberta' uso

O governo australiano chegou a acordo para adquirir os direitos de autor da bandeira aborígene, por cerca de 12 milhões de euros, medida que permite encerrar um longo debate sobre o uso daquela imagem por empresas ou indivíduos.

Austrália adquire direitos de autor da bandeira aborígene e 'liberta' uso
Notícias ao Minuto

06:48 - 25/01/22 por Lusa

Mundo Imagem

Para o primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison, o seu executivo "libertou a bandeira aborígene para os australianos".

O acordo, divulgado hoje, é o resultado das negociações com o artista aborígene Harold Thomas, que desenhou a bandeira (vermelha e preta com um circulo amarelo no meio) em 1971.

Nos últimos 50 anos, esta bandeira tornou-se um importante símbolo de protesto e celebração para o povo aborígene (os habitantes originais) da Austrália.

Mas o uso público do trabalho de Harold Thomas tem sido objeto de intenso debate, após o artista ter concedido licenças a determinadas empresas para o uso da imagem nos seus produtos.

Uma dessas empresas, a WAM Clothing, enviou cartas de advertência a várias organizações, incluindo a Australian Football League, por usar a bandeira aborígene nos equipamentos.

"Espero que este acordo traga conforto a todos os aborígenes e australianos que queiram usar a bandeira, sem modificações, com orgulho e sem restrições", vincou o artista na reação ao acordo alcançado com o governo australiano.

Harold Thomas referiu ainda a importância de que a sua arte seja "apreciada por tantas pessoas" e que "represente algo tão poderoso".

Segundo o governo australiano, o acordo significa que a bandeira pode ser usada em roupas, infraestruturas desportivas, obras de arte e "qualquer outro meio, sem ter que ser pedida permissão ou o pagamento de uma taxa".

Ficou ainda definido que o Estado da Austrália deve criar uma bolsa até 100 mil dólares (cerca de 88 mil euros) em homenagem a Harold Thomas e destinada a estudantes indígenas.

Leia Também: Aviões japoneses com bens partem da Austrália para reforçar ajuda a Tonga

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório