Meteorologia

  • 20 MAIO 2022
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 34º

Milhares de pessoas manifestam-se contra as medidas em Bruxelas

A multidão rejeita ainda a possível obrigatoriedade das vacinas e os certificados de vacinação.

Notícias ao Minuto

16:53 - 05/12/21 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Covid-19

Mais de oito mil pessoas saíram hoje à rua em Bruxelas contra as medidas aplicadas no combate à Covid-19, rejeitando também a possível obrigatoriedade das vacinas e os certificados de vacinação (‘Covid Safe Ticket’, na Bélgica).

O protesto decorreu perto da Gare du Nord, de acordo com a Agência Belga, tendo início às 13 horas locais (12h em Portugal).

Há duas semanas, cerca de 35 mil pessoas juntaram-se também para se manifestar contra as restrições, culminando em violência.

Desta vez, esperava-se que tudo corresse de forma pacífica, mas as autoridades estavam presentes por prevenção.

Conforme testemunharam no local jornalistas da agência AFP, a polícia acabou por ter de utilizar canhões de água e gás lacrimogéneo para dissuadir um grupo de manifestantes que arremessou latas e petardos na sua direção. Não há relatos de feridos.

“Queremos uma abordagem democrática e não ditatorial desta crise”, disse um dos organizadores do protesto, citado pelo Brussels Times.

“As medidas impostas, como o certificado de vacinação, são contra os nossos direitos fundamentais. O vírus não está sob controlo, mas a população sim”, sublinhou.

Denominada "Ato 2, Marcha pela Liberdade", a manifestação de hoje pretendia continuar a mobilização de 21 de novembro, mas acabou por reunir muito menos pessoas.

Várias cidades na Europa têm sido palco de manifestações semelhantes nas últimas semanas, principalmente na Holanda e na Áustria, à medida que os vários governos têm apertado as restrições, devido à nova vaga da pandemia.

Na passada sexta-feira, a Bélgica anunciou o encerramento de creches e escolas primárias para férias de Natal, com uma semana de antecedência, de forma a tentar conter o avanço da pandemia, e impôs o uso de máscaras nas aulas para crianças a partir dos seis anos. As discotecas foram encerradas e a população incentivada a limitar ao máximo seus contactos e atividades no interior.

De acordo com os dados mais recentes, a Bélgica registou na última semana uma média de 17.862 novos casos diários de Covid-19, mais 6% do que na semana anterior, tendo os internamentos aumentado 4%. Mais de 3.700 pessoas estão atualmente hospitalizadas no país com a doença, das quais 821 nos cuidados intensivos.

Desde o início da pandemia, a Covid-19 já provocou a morte a mais de 27.000 pessoas na Bélgica.

Veja a galeria.

Leia Também: Países Baixos contra limitar para nove meses passaporte sanitário na UE

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório