Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

Polónia usa arame farpado e militares na fronteira com a Bielorrússia

A Polónia tentou impedir as tentativas dos migrantes de entrarem no país pela fronteira oriental com a Bielorrússia.

Notícias ao Minuto

08:54 - 09/11/21 por Notícias ao Minuto

Mundo Migrantes

As imagens dos migrantes na fronteira entre a Bielorrússia e a Polónia mostraram centenas de pessoas perto de uma cerca de arame farpado, pela qual alguns tentaram forçar a passagem, mesmo correndo perigo de vida.

O governo polaco convocou uma reunião de crise ontem, segunda-feira, e enviou 12 mil soldados para a fronteira por forma a tentar colmatar a situação.

A Polónia tem lançado nos últimos dias um ataque à Bielorrússia por considerar que a presente crise acontece porque o país está a empurrar os migrantes em direção à fronteira. Para a Polónia, este ato é visto como hostil.

Os países fronteiriços da Bielorrússia, como a Polónia, Lituânia e Letônia, afirmam que houve um aumento no número de pessoas que tentaram entrar ilegalmente nos países. Muitos destes migrantes vieram do Médio Oriente e da Ásia.

A União Europeia que também vê assim a sua fronteira ameaçada, acusou o presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, de facilitar o fluxo migratório em retaliação às sanções impostas ao país pela UE.

As condições dos migrantes na fronteira são cada vez piores e mortais, tendo em conta que o inverno nesta região atinge temperaturas negativas. 

Se por um lado os migrantes não conseguem atualmente entrar na Polónia, por outro, também não podem voltar para a Bielorrússia e vivem, homens, mulheres e crianças, perto da fronteira numa terrível situação humanitária. Muitos morrem de hipotermia sem qualquer ajuda.

Na segunda-feira, a NATO disse que estava preocupada com a "escalada" na fronteira com a Polónia e estava pronta para "manter a segurança e proteção na região".

No Twitter do Ministério dos Negócios Estrangeiros polaco foram partilhadas imagens da situação dramática que se vive atualmente na fronteira. 

Atualmente, a Polónia colocou arame farpado e presença militar no local, impedindo as pessoas de passar a fronteira, tudo isto piora ainda mais a situação dos migrantes vítimas desta crise humanitária.

Veja na galeria de imagens como está a situação na fronteira da Polónia.

Leia Também: Washington pede a Minsk para parar de "manipular" fluxo de migrantes

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório