Meteorologia

  • 01 DEZEMBRO 2021
Tempo
MIN 6º MÁX 17º

Edição

AO MINUTO: Açores na lista verde do Reino Unido. Brasil com 920 mortes

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Açores na lista verde do Reino Unido. Brasil com 920 mortes

Numa altura em que vários países decidiram avançar para o reforço da vacinação contra a Covid-19 com a administração de uma terceira dose da vacina, Portugal pondera fazê-lo em dois grupos da população distintos, admitiu ontem a diretora-geral de Saúde, Graça Freitas. 

Já o coordenador da Task Force para o plano de vacinação, Gouveia e Melo, antecipou que Portugal deve atingir a meta de 85% de população inoculada na próxima semana, estando prestes a "encurralar o vírus".

Portugal registou, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico, mais 16 mortes e 3.062 novos casos de Covid-19.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h00 - Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de quarta-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h50 - Máscaras continuam obrigatórias nas escolas. As máscaras vão manter-se obrigatórias nas escolas, durante o ano letivo 2021/2022, avança o Expresso, esta quinta-feira. De acordo com o jornal, pouco mudará no dia a dia das escolas no próximo ano, no âmbito da pandemia. A única alteração relevante está relacionada com uma (possível) redução dos dias de isolamento de um aluno que tenha tido um contacto de risco.

23h18 - Governo dos Açores extingue Comissão de Luta contra a pandemia. O Governo dos Açores anunciou hoje que vai extinguir, a partir de 1 de setembro, a Comissão Especial de Acompanhamento da Luta Contra a Pandemia da Covid-19 (CEALCPC), por entender que se encontra cumprida a sua missão.

23h10 - Brasil reporta mais 920 mortes e mais de 31 mil casos. As autoridades de Saúde brasileiras reportaram hoje mais 920 óbitos associados à doença Covid-19, elevando o balanço total, desde o início da pandemia, para 577.565. Foram ainda notificados mais 31.024 casos, colocando o número acumulado em 20.676.561.

23h04 - Açores passam para "lista verde" do Reino Unido a partir de segunda-feira. O Ministério dos Transportes do Reino Unido anunciou hoje que os Açores, juntamente com outros territórios e países, vão passar para a "lista verde" de viagens a partir de segunda-feira, não sendo necessário qualquer isolamento depois da chegada.

22h50 - Lotação dos recintos desportivos sobe de 33% para 50% da capacidade total. A Direção Geral de Saúde (DGS) anunciou,  nesta quinta-feira, a subida da lotação dos recintos desportivos de 33% para 50% da capacidade total.

21h38 - Açores passam para "lista verde" do Reino Unido. O Ministério dos Transportes do Reino Unido anunciou hoje que os Açores, juntamente com outros territórios e países, vão passar para a "lista verde" de viagens a partir de segunda-feira, não sendo necessário qualquer isolamento depois da chegada.

21h00 - Igreja transformada em centro de vacinação na Grécia. Uma igreja grega foi transformada num centro de vacinação contra a Covid-19, um gesto de grande simbolismo, pois muitos dos céticos do país, que fizeram campanha contra a vacina e as máscaras durante a pandemia, foram crentes e padres.

20h24 - Madeira com 30 novos casos e um total de 358 infeções ativas. A Madeira sinalizou 30 novos casos de covid-19 e 34 recuperações nas últimas 24 horas, indicou hoje a Direção Regional de Saúde, referindo que o total de infeções ativas é de 358, com cinco doentes hospitalizados.

20h03 - Cabo Verde com mais 73 novos infetados em 24 horas. Cabo Verde registou mais 73 novos infetados pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando para um total de 34.992 casos positivos acumulados desde o início da pandemia, informou hoje o Ministério da Saúde.

20h00 - Angola com 184 casos, seis mortes e 148 recuperações em 24 horas. Angola registou 184 novos casos de covid-19 em 24 horas, assim como seis mortes e 148 recuperações da doença, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país.

19h56 - Governo francês diz "ter evitado o pior" na quarta vaga do vírus. O Governo francês declarou hoje que a quarta vaga de covid-19 está a diminuir e que se conseguiu "evitar o pior", com o ministro da Saúde a anunciar que há 48 milhões de pessoas vacinadas com a primeira dose.

19h23 - Governo avança com testes à Covid-19 nas escolas de forma faseada. O ministério da Educação anunciou, esta quinta-feira, que todos os professores, pessoal não docente, alunos do terceiro ciclo do ensino básico, assim com os do ensino secundário serão testados à Covid-19.

18h53 - Espanha com 7.115 novos casos e 171 mortes. A Espanha registou nas últimas 24 horas 7.115 novos casos de Covid-19 e 171 mortes, anunciou hoje o Ministério da Saúde. Embora o número de novas infeções tenha registado uma descida acentuada, menos 3.666 que no dia anterior, o mesmo não aconteceu com o número de mortes relacionadas com a doença que, mais uma vez, ficou acima da centena e com mais oito mortes que no dia anterior, elevando o total da pandemia no país para 83.861 mortes.

18h31 - Madeira prolonga situação de calamidade até 30 de setembro. O Governo da Madeira decidiu hoje prolongar a situação de calamidade até 30 de setembro, mas reduziu uma hora no período de recolher obrigatório, que passa a vigorar entre as 02:00 e as 05:00 a partir de sexta-feira.

18h05 - Testes salivares e vacinação de crianças com mais de 12 anos em França. Mais de 12,6 milhões alunos regressam à escola em França na próxima semana e o ministro da Educação disse hoje que a aposta é na vacinação para as crianças como mais de 12 anos. Com a abertura do ano escolar a decorrer no pico da quarta vaga de covid-19, o ministro da Educação francês, Jean-Michel Blanquer, disse hoje que a campanha de vacinação as crianças com mais de 12 anos vai acelerar, com a instalação de centros de vacinação temporários junto às escolas básicas, estando ainda prevista a realização de, pelo menos, 600 mil testes salivares por semana.

17h50 - Itália soma 7.221 novos casos e 43 mortes por Covid-19. O número de internados nos hospitais italianos aumentou. Esta quinta-feira, há 4.059 infetados internados em enfermaria (mais 36 do que ontem). Em unidades de cuidados intensivos, deram entrada mais 38 utentes, para um total de 503.

17h07 - O Reino Unido ultrapassou hoje as 90 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 administradas, num dia em que registou 140 mortes e 38.281 casos da doença, divulgou o Departamento de Saúde e de Assistência Social britânico esta quinta-feira.

16h45 - Terceira dose generalizada só faz sentido com vacina atualizada às novas variantes do vírus SARS-CoV-2, defendeu hoje o investigador Miguel Castanho, para quem persistir nas mesmas vacinas "é chover no molhado".

16h30 - Portugal lidera vacinação na UE, mas "marca passo" no n.º de infeções, uma situação que o investigador Miguel Castanho alerta que pode ter impacto no outono, quando o vírus terá "condições ótimas" de propagação.

15h56 - Nunca é demais relembrar! Se tem mais de 12 anos e ainda não foi vacinado, pode tomar a primeira dose da vacina, sem agendamento, no centro de vacinação correspondente ao seu centro de saúde.

15h41 - Vacinas evitaram mais de 100 mil mortes no Reino Unido. As autoridades de saúde do Reino Unido anunciaram, esta quinta-feira, que as vacinas contra a Covid-19 evitaram entre 102.500 e 109.500 mortes desde dezembro de 2020.

15h17 - Madeira passa a ser considerada de risco elevado para viagens na UE. A Madeira passou hoje a ser considerada de 'risco elevado' relativamente à situação epidemiológica da covid-19 nos mapas do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), que visam auxiliar decisões sobre viagens na União Europeia (UE).

15h06 - Homem infetado fura quarentena para ir ao casamento do irmão em Amares. Um homem com Covid-19 que estava obrigado pelas autoridades de saúde a cumprir quarentena foi detetado no domingo a participar no casamento do irmão em Amares, distrito de Braga, disse hoje fonte da GNR à Lusa.

15h04 - Açores com 14 novos casos de infeção e 82 recuperações. Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, 14 novos casos de covid-19, dos quais 12 em São Miguel, um na Terceira e outro no Pico, e 82 pessoas recuperaram da doença, informou hoje a Autoridade de Saúde.

14h59 - África triplicou vacinas mas processo ainda é demasiado lento. África triplicou na última semana o número de vacinas contra a covid-19 administradas, embora proteger até 10% do continente até ao final de setembro continue a ser "uma tarefa muito assustadora", disse hoje a diretora da Organização Mundial de Saúde (OMS) regional.

14h41 - 70% da população dos Açores já está completamente vacinada. Os Açores já ultrapassaram o marco dos 70% de população com o esquema vacinal completo contra a Covid-19, anunciou hoje o secretário Regional da Saúde e do Desporto, que espera alcançar os 85% até outubro.

14h17 - Administrar 3.ª dose sem o aval da EMA pode acarretar "riscos legais". A Comissão Europeia alertou os países membros, esta quinta-feira, que administrar uma terceira dose da vacina contra a Covid-19 nos seus cidadãos sem o aval prévio da Agência Europeia do Medicamento (EMA) pode apresentar "riscos legais".

A EMA já explicou que são necessários mais estudos que provem que o reforço da vacina é necessário. Contudo, oito países já anunciaram que colocarão essa dose adicional à disposição dos cidadãos. Áustria, Bélgica, França, Hungria, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo e Eslovênia deram luz verde para as doses de reforço. A Alemanha pretende fazer o mesmo no outono.

14h13 - Pfizer anuncia acordo para produzir vacina no Brasil. A farmacêutica Pfizer e a BioNTech anunciaram hoje a assinatura de uma carta de intenção com a farmacêutica brasileira Eurofarma para produção no Brasil da vacina que desenvolveram contra a Covid-19 e distribuição na América Latina.

14h05 - Portugal registou, no último dia, 2.552 novos casos de infeção e 15 mortes relacionadas com a Covid-19, indica o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral de Saúde (DGS) esta quinta-feira. Foram ainda notificados 2.119 recuperados, mas não os suficientes para evitar o aumento de casos ativos: mais 418 nas últimas 24 horas.

O número de internamentos em enfermaria voltou a descer (-18), perfazendo agora um total de 670, mas subiu o número de internados em Unidades de Cuidados Intensivos (+6), havendo esta quinta-feira 150 pacientes a inspirarem mais preocupação.

13h25 - O YouTube anunciou que removeu 1 milhão de vídeos com desinformação sobre a Covid-19 desde fevereiro de 2020. A notícia foi partilhada numa publicação de bloque da empresa.

13h20 - O Centro Hospitalar de São João, no Porto, vai desmontar na segunda-feira o Hospital de Campanha do INEM, instalado a 07 de março de 2020 e que deu resposta ao serviço de urgência durante os últimos 18 meses.

13h00 - O antigo ministro da Saúde assinalou, esta quinta-feira, que "ninguém duvida que, em Portugal e na Europa, entrámos numa fase de controlo da pandemia" e que o que permitiu controlar a situação foi  o "efeito conjugado das diferentes medidas de saúde pública com a comprovada eficácia das vacinas". 

"É certo que será necessário manter uma vigilância ativa e prudente. Mas é preciso assegurar a progressiva normalidade da vida social e económica", defendeu. Do ponto de vista da saúde mental, sublinhou, "importa reduzir a pressão mediática injustificada". 

"As coisas são como a realidade as faz e não como a vontade de alguns deseja. A vacinação correu bem e está a provar a sua eficácia nos resultados. Custa ver a obsessiva tentação com o pessimismo e a fixação no lado negro da realidade", escreveu Adalberto Campos Fernandes. O antigo governante socialista diz estar na altura de, sendo prudentes, "deixarmos viver, trabalhar e socializar em liberdade responsável". "Está mesmo na altura de regressarmos às nossas vidas", reforçou. 

11h45 - O Qatar está a oferecer vacinas contra a Covid-19 aos  evacuados do Afeganistão que estão temporariamente no estado do Golfo Árabe, o que tem facilitado os esforços de evacuação global desde que os talibãs tomaram Cabul, disse o Ministério das Relações Exteriores na quinta-feira, citado pela Reuters

11h25 - África registou mais 1.009 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando 191.818 óbitos desde o início da pandemia, e 35.959 novos casos, segundo os dados oficiais mais recentes.

11h05 - Itália estuda como aplicar obrigatoriedade dos passes sanitários em estabelecimentos de ensino. Estudantes universitários, professores e funcionários terão de apresentar o certificado a partir do dia 1 de setembro. 

11h00- A Rússia regista um novo recorde de mortes devido à  Covid-19.820 nas últimas 24 horas: 820. Desde o início da pandemia, já morreram  179.243 pessoas no país. No último dia, foram notificados 19.630 novos casos, aumentando o total para 6.824.540.

10h15 - Timor-Leste registou hoje mais quatro mortes, três em Díli e uma em Viqueque, devido à covid-19, entre as quais uma já vacinada, e mais 307 casos, a maioria na capital, segundo dados oficiais.

9h45 - A Austrália ultrapassou hoje as 1.000 infeções diárias pelo novo coronavírus pela primeira vez desde o início da pandemia, vivendo atualmente a mais forte vaga da doença no país, devido à variante delta.

8h45 - Em França, os idosos residentes em lares vão começar a receber a terceira dose da vacina contra a Covid-19 a partir do dia 12 ou 13 de setembro, confirmou o primeiro-ministro Jean Castex esta quinta-feira. As pessoas com mais de 65 anos ou com comorbidades podem marcar consulta para a  administração da dose de reforço, desde que tenham passado mais de seis meses desde a segunda inoculação, a partir do início do mês. 

8h05- Jovens transformam ruas de Lisboa em discotecas a céu aberto. Depois das 2 h da manhã (hora a que os restaurantes e bares encerram), centenas de jovens juntam-se no Cais do Sodré e no Bairro Alto. À SIC, os comerciantes pedem mais policiamento e os moradores queixam-se do ruído das colunas de som. 

Notícias ao Minuto
© Reprodução/SIC Notícias  

8h00- Alemanha reporta, esta quinta-feira, mais 12.626 casos de infeção pelo novo coronavírus e 21 mortes relacionadas com a Covid-19, de acordo com os dados oficiais. 

7h38 - A China anunciou hoje que foram diagnosticados 26 casos de covid-19, nas últimas 24 horas, incluindo três por contágio local, detetados na província de Yunnan. 

7h38- O Japão suspendeu hoje a utilização de 1,63 milhões de doses da vacina da farmacêutica norte-americana Moderna contra a Covid-19, depois de encontradas impurezas em três lotes distribuídos no país.

7h34 - A Pfizer solicitou autorização à reguladora do medicamento nos EUA (FDA, na sigla em Inglês) para a aplicação de uma dose de reforço da sua vacina contra o novo coronavírus, que contempla atualmente duas injeções

7h30 - A Organização Mundial da Saúde (OMS) defendeu ontem ser moral e tecnicamente errado dar doses adicionais de vacinas contra a Covid-19 quando uma grande parte da população mundial continua por imunizar, propiciando a circulação e mutação do coronavírus.

7h00- Bom dia! Retomamos o acompanhamento AO MINUTO dos desenvolvimentos da pandemia no país e no mundo. Recorde aqui o que marcou o dia de ontem. 

Leia Também: AO MINUTO: Vacina obrigatória para militares; "É errado" dar mais doses

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório