Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2021
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

Chama-se Bengali e é a tigre mais velha do mundo a viver em cativeiro

Bengali foi considerada a tigre mais velha do mundo a viver em cativeiro ao completar 25 anos e 319 dias de idade.

Chama-se Bengali e é a tigre mais velha do mundo a viver em cativeiro

Uma tigre fêmea que vive num santuário do estado norte-americano do Texas foi declarada como a tigre mais velha a viver em cativeiro, pelo Guinness World Records, aos 25 anos e 319 dias de idade.

Segundo a organização do  Guinness, Bengali, como é chamada, foi viver para o Santuário Animal Tiger Creek, em Tyler, em 2000 e foi confirmado este mês como sendo a mais velha do mundo em cativeiro.

"Normalmente, os tigres vivem de 15 a 20 anos em cativeiro e apenas cerca de 12 anos na natureza. A nossa moradora mais antiga, Bengali, mais do que superou essas expectativas", explicou o santuário em comunicado.

Bengali não tem filhos, mas os tratadores dizem que tem um papel importante nos esforços de conservação da sua espécie. A tigre está prestes a completar o seu 26.º aniversário, já a 31 de agosto deste ano.

Leia Também: Guinness. Porto-riquenho com 112 anos é o homem mais velho do Mundo

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório