Meteorologia

  • 21 SETEMBRO 2021
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Encontrado morto homem que agrediu a mulher até à morte em cruzeiro

Momento de violência aconteceu depois de a mulher ter pedido o divórcio.

Encontrado morto homem que agrediu a mulher até à morte em cruzeiro

Um homem que matou a mulher durante um cruzeiro foi encontrado sem vida na cela onde estava a cumprir 30 anos de prisão pelo crime, no Alaska, EUA.

Kenneth Manzanares, de 43 anos, agrediu a mulher quando esta lhe pediu o divórcio enquanto estavam de férias com a família. 

Kenneth e Kristy tiveram uma discussão a bordo do navio de cruzeiro Emerald Princess, em julho de 2017. A mulher terá pedido ao homem para sair do navio quando este embarcou no Alaska e pediu-lhe que regressasse ao Utah sozinho.

O marido pediu aos filhos para saírem do camarote e em seguida ouviram-se gritos. O pai e os irmãos de Kristy encontraram Kenneth a arrastar o corpo da mulher para a varanda. Estaria já sem vida.

Em fevereiro de 2020, Kenneth confessou-se culpado de homicídio em segundo grau. Em maio deste ano pediu que a sua pena fosse reduzida e justificou o seu ato com problemas de bipolaridade e um "historial de suplementos de testosterona".

O homem foi condenado a uma pena de prisão

Leia Também: Mãe de criança dada como desaparecida foi encontrada sem vida

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório