Meteorologia

  • 29 JULHO 2021
Tempo
26º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

Balanço mundial da Covid-19 aponta para mais de 3,8 milhões de mortos

A pandemia do novo coronavírus fez pelo menos 3.813.994 mortos em todo o mundo desde que a doença foi detetada na China em finais de dezembro de 2019, de acordo com o balanço da France-Presse.  

Balanço mundial da Covid-19 aponta para mais de 3,8 milhões de mortos

Mais de 176.171.260 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados desde o início da pandemia.

Estes valores têm como base os balanços comunicados diariamente pelas autoridades sanitárias dos vários países, mas excluem as revisões realizadas posteriormente por alguns organismos estatísticos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima, tendo em conta a mortalidade direta ou indireta relacionada com o covid-19, que o balanço da pandemia pode ser duas ou três vezes mais elevado do que é oficialmente recenseado. 

Uma parte relevante dos casos menos graves ou assintomáticos continua por detetar, apesar de os meios de despistagem terem sido incrementados em muitos países em todo o mundo. 

Na segunda-feira lamenta-se a morte de 8.896 pessoas por SARS CoV-2 e contabilizaram-se 311.632 casos, a nível global.

Os países que registaram mais mortes por covid-19 nos últimos balanços foram a Índia com 2.726 óbitos, o Brasil (827) e a Argentina (686).

Os Estados Unidos são o país mais afetado tanto em número de mortos como no número de infeções, com 599.945 óbitos e 33.474.765 infeções, de acordo com a contagem da universidade Johns Hopkins.

Depois dos Estados Unidos, os países mais atingidos pela doença são o Brasil com 488.228 mortos e 17.452.612 casos, Índia com 377.031 óbitos (29.570.881 casos), o México com 230.187 mortos (2.455.351 infeções) e o Peru com 188.921 mortos (2.004.252 casos).

Entre os países mais duramente atingidos, o Peru é o que lamenta o maior número de mortos tendo em conta a população, com 573 mortos por 100 mil habitantes, seguido pela Hungria (310), a Bósnia (289), a República Checa (282) e a Macedónia do Norte (263).

A América Latina e as Caraíbas totalizam 1.212.922 mortos e 35.127.289 casos, a Europa com 1.152.226 mortos (53.653.752 casos), os Estados Unidos e o Canadá com 625.884 mortos (34.877.603 casos), a Ásia com 540.460 mortos (38.478.717 casos), o Médio Oriente com 146.402 mortos (8.921.286 infetados), África com 134.995 mortos (5.062.080 casos e a Oceânia com 1.105 mortos (50.536 casos).

Este balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da AFP junto das autoridades nacionais competentes e de informações da OMS.

Devido a correções e publicações tardias por parte das autoridades os números relativos ao aumento dos valores nas últimas 24 horas podem não corresponder exatamente aos que foram publicados no dia anterior. 

Leia Também: AO MINUTO: Lisboa dá passo atrás?; "Não é altura de deitar máscaras fora"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório