Meteorologia

  • 07 MAIO 2021
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 24º

Edição

Itália avança com o desconfinamento, mas mantém recolher obrigatório

Primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, reuniu-se com o Conselho de Ministros para aprovar um decreto relativo à reabertura de alguns setores de atividade, como a restauração e a cultura, mas mantém o recolher obrigatório até ao fim de julho.

Itália avança com o desconfinamento, mas mantém recolher obrigatório

Itália voltou atrás e vai manter o recolher obrigatório até 31 de julho, apesar de avançar com o aliviar das medidas de contenção da pandemia já na próxima segunda-feira, decretou hoje o governo.

O primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, reuniu-se hoje com o Conselho de Ministros para aprovar um decreto relativo à reabertura de alguns setores de atividade, como a restauração e a cultura, que têm estado encerrados.

Ainda assim, ao contrário do inicialmente previsto, o recolher obrigatório entre as 22h00 e as 5h00 vai manter-se em todo o país até ao final do mês de julho, quando termina o Estado de Emergência, embora a medida possa ser revista dependendo a situação epidemiológica.

Cinemas, teatros ou salas de espetáculos, encerrados desde outubro passado, têm autorização para retomar a atividade na segunda-feira, mas com uma capacidade reduzida.

Já os restaurantes e os bares também têm autorização para abrir portas, mas só os estabelecimentos que tenham espaços ao ar livre, como esplanadas.

As medidas governamentais também preveem um documento que vai permitir as deslocações entre regiões, segundo indicam as agências internacionais.

A pandemia da doença covid-19 provocou pelo menos 3.046.134 mortos no mundo, resultantes de mais de 142,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Só na Europa foram contabilizadas, até à data, 1.033.772 mortes em 48.466.671 casos.

A doença é transmitida por um novo coronavírus (SARS-Cov-2) detetado em dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: Itália com mais 364 óbitos e 13 mil casos, regista alívio nos internados

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório