Meteorologia

  • 06 MAIO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

Derek Chauvin considerado culpado pela morte de George Floyd

Antigo polícia foi condenado por todas as acusações, devendo conhecer a sentença do tribunal daqui a seis semanas.

Derek Chauvin considerado culpado pela morte de George Floyd

O polícia acusado de assassinar o afro-americano George Floyd foi condenado por todas as acusações, anunciaram esta terça-feira os jurados no tribunal do condado de Hennepin, em Minneapolis (EUA).

A sentença será conhecida dentro de seis a oito semanas.

Derek Chauvin - que na sala de tribunal ouviu impassível a palavra "culpado" ser pronunciada por três vezes na deliberação dos jurados, para os crimes de assassínio em segundo grau, homicídio em terceiro grau e homicídio - foi levado sob custódia policial, algemado, depois de fazer uma ligeira vénia na direção do juiz.

O júri condenou Chauvin de forma rápida e unânime por todas as acusações que enfrentava - homicídio de segundo e terceiro grau e homicídio culposo - depois de concluir que o antigo agente da polícia de Minneapolis foi o responsável pela morte do homem negro, de 46 anos, ao ter-se mantido ajoelhado sobre o seu pescoço durante cerca de nove minutos, em maio do ano passado.

Cada uma das acusações pode levar a uma pena máxima diferente: 40 anos para homicídio em segundo grau; 25 anos para homicídio em terceiro grau; 10 anos para homicídio por negligência.

No entanto, como não tem antecedentes criminais, Chauvin só cumprirá um máximo de 12 anos e meio de prisão por cada uma das duas primeiras acusações e a quatro anos de prisão pela terceira.

Do lado de fora do tribunal, manifestantes gritam "justiça" e "Black Lives Matter". A morte de Floyd provocou uma onda de protestos contra o racismo e a violência policial.

Já no cruzamento da cidade norte-americana de Minneapolis que recebeu o nome de George Floyd Square, cerca de uma centena de pessoas receberam o veredicto de culpado do ex-polícia Derek Chauvin com palmas e gritos.

O julgamento de Chauvin, em Minneapolis, decorreu sob um forte dispositivo de segurança, especialmente depois da recente morte de um jovem negro abatido a tiro por um outro agente policial.

[Notícia atualizada às 22h42]

Leia Também: Família de George Floyd: "A justiça dolorosamente conquistada chegou"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório