Meteorologia

  • 05 MARçO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Uma dúzia de polícias acusados de massacre de 19 pessoas no México

Uma dúzia de polícias estaduais mexicanos foram hoje interrogados depois de suspeitas de estarem ligados à morte de 19 pessoas, incluindo migrantes guatemaltecos, cujos corpos foram encontrados perto da fronteira com os Estados Unidos no final de janeiro.

Uma dúzia de polícias acusados de massacre de 19 pessoas no México
Notícias ao Minuto

00:01 - 04/02/21 por Lusa

Mundo México

Segundo a Associated Press, o procurador-geral do estado de Tamaulipas, Irving Barrios Mojica, anunciou esta terça-feira a detenção dos 12 polícias, que enfrentam acusações de homicídio, abuso de poder e falsas declarações.

As mortes destas 19 pessoas reavivaram a memória do massacre de 72 migrantes em 2010, perto da cidade de San Fernando, também localizada no estado de Tamaulipas. Porém, os homicídios de 2010 foram atribuídos a um cartel de droga, enquanto desta vez as suspeitas apontam para o envolvimento de polícias.

Segundo Barrios Mojica terão participado "pelo menos 12 polícias" nos "atos ocorridos em 22 de janeiro". O procurador não apontou eventuais motivos para o alegado envolvimento dos polícias, embora, segundo a Associated Press, sejam frequentes os casos de corrupção entre a polícia local e estadual, paga pelos cartéis.

Os 19 corpos foram encontrados carbonizados empilhados numa carrinha 'pickup', em Camargo, numa margem do Rio Grande, junto ao Texas, uma zona que há anos é marcada por sangrentas disputas de terras entre os resquícios do cartel do Golfo e do antigo cartel Zetas.

Um segundo veículo carbonizado foi encontrado no local, com as autoridades a indicarem que foi aprendido por funcionários dos serviços de imigração numa operação que resultou na detenção de 66 migrantes a caminho dos Estados Unidos.

Dos 19 corpos encontrados e já examinados por especialistas, 16 eram de homens, um foi confirmado como sendo uma mulher, enquanto dois aguardam confirmação, dado o elevado grau de queimaduras que ostentavam.

Leia Também: Doze polícias mexicanos detidos por homicídio em massa de imigrantes

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório