Meteorologia

  • 21 JANEIRO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Covid-19: Cabo Verde com mais 72 infetados nas últimas 24 horas

As autoridades sanitárias cabo-verdianas diagnosticaram mais 72 infetados pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando para 12.664 os casos acumulados desde 19 de março, segundo dados divulgados hoje pelo Ministério da Saúde.

Covid-19: Cabo Verde com mais 72 infetados nas últimas 24 horas
Notícias ao Minuto

18:33 - 14/01/21 por Lusa

Mundo covid

Em comunicado, o ministério referiu que os laboratórios de virologia do arquipélago processaram 776 amostras desde quarta-feira, com o concelho da Praia, capital do país, a confirmar mais 18 infetados (em 289 amostras), passando a ter 154 casos ativos.

Ainda na ilha de Santiago foram confirmados casos do novo coronavírus nos concelhos de Santa Catarina (8), São Domingos (1), São Miguel (1) e Santa Cruz (1).

Na ilha de São Vicente foram confirmados 29 novos infetados em 24 horas, sendo atualmente o principal foco da doença no arquipélago, com 216 casos ativos.

Os restantes casos positivos confirmados registaram-se nas ilhas do Fogo (8), Maio (4) e Santo Antão (2).

Nas últimas 24 horas foram dados como recuperados da doença 89 infetados, com o total acumulado de óbitos por complicações associadas à covid-19 a manter-se em 115 e três por causas externas.

Cabo Verde passa assim a contar com um acumulado de 12.664 casos da doença desde 19 de março de 2020 (quando foi diagnosticado o primeiro doente com a covid-19 no arquipélago), distribuídos por todos os 22 municípios das nove ilhas habitadas do arquipélago, segundo os dados do Ministério da Saúde.

O arquipélago regista hoje 555 casos ativos da doença e soma 11.989 considerados recuperados, enquanto dois infetados, estrangeiros, foram transferidos para os países de origem.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.979.596 mortos resultantes de mais de 92,3 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório