Meteorologia

  • 02 MARçO 2021
Tempo
11º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Bangladesh começa a enviar milhares de rohingya para ilha apesar de apelo

As autoridades do Bangladesh começaram hoje a enviar um primeiro grupo de mais de 1.500 refugiados rohingya para uma ilha, apesar dos apelos e críticas de grupos de direitos humanos.

Bangladesh começa a enviar milhares de rohingya para ilha apesar de apelo

Os 1.642 refugiados estavam a embarcar em sete navios navais do Bangladesh no porto de Chittagong para a viagem a Bhashan Char, segundo um funcionário, que não pôde ser identificado, porque não estava autorizado a falar aos meios de comunicação social.

A ilha, que nunca foi habitada, fica submersa regularmente pelas chuvas das monções, mas agora tem aterros de proteção contra inundações, casas, hospitais e mesquitas construídos a um custo de mais de 112 milhões de dólares (92,2 milhões de euros) pela marinha do Bangladesh.

As Nações Unidas manifestaram também preocupação, defendendo que os refugiados deveriam tomar uma "decisão livre e informada" sobre se se deveriam deslocar para a ilha na Baía de Bengala.

As instalações da ilha foram construídas para acomodar 100.000 pessoas, apenas uma fração do milhão de muçulmanos rohingya que fugiram da perseguição violenta em Myanmar e que vivem atualmente em campos de refugiados sobrelotados.

Na quinta-feira, 11 autocarros de passageiros transportando refugiados deixaram o distrito de Cox Bazar a caminho da ilha.

As autoridades não disseram como é que os refugiados foram selecionados para o realojamento.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório