Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Zimbabué: Novo presidente de Harare detido por suspeitas de fraude

O novo presidente da câmara da capital do Zimbabué, Harare, uma figura da oposição, foi detido sob a acusação de associação presumível com atos de corrupção, anunciou hoje o seu advogado.

Zimbabué: Novo presidente de Harare detido por suspeitas de fraude

Jacob Mafume, um membro importante do principal partido da oposição, o Movimento para a Mudança Democrática (MDC), é acusado da atribuição fraudulenta de propriedades residenciais, incluindo à sua irmã, quando era conselheiro municipal em 2010.

Mafume foi detido esta quarta-feira à noite e deverá permanecer detido até ser levado a tribunal esta sexta-feira, de acordo com o seu advogado, Tonderai Bhatasara.

O presidente da Câmara de Harare é "acusado de abuso de poder relacionado com a atribuição de lotes" e "a polícia terá ainda que verificar factos relacionados com esta acusação", acrescentou o advogado.

O partido de Mafume considera a detenção como "um caso político pobre" e que as alegadas provas incriminatórias são "pouco claras".

"A sua verdadeira infração foi ganhar as eleições para a câmara", escreveu o partido na rede social Twitter na sequência da detenção.

Mafume foi eleito em setembro último.

"Querem afastá-lo e substituí-lo por um membro do partido no poder", o ZANU-PF, acusa outro 'tweet'.

Harare é governada por figuras da oposição no Zimbabué desde há uma década.

O ZANU-PF acusa frequentemente os conselhos municipais liderados pelo MDC de corrupção e incompetência.

Em 2004, o primeiro presidente da câmara da capital oriundo da oposição, Elias Mudzuri, foi suspenso pelo governo zimbabueano e o seu executivo municipal foi substituído por uma comissão nomeada por um ministro do ZANU-PF.

O antecessor de Mafume, Herbert Gomba, foi preso em julho por presumível alteração ilícita da propriedade de um terreno e processado por abuso de poder. Gomba foi libertado sob caução em agosto com a proibição de retomar as suas funções como presidente da câmara e aguarda julgamento.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório