Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Covid-19: São Tomé e Príncipe regista mais um óbito e três novos casos

São Tomé e Príncipe registou mais um óbito por covid-19, aumentando para 16 as mortes acumuladas, e mais três casos de infeção pelo novo coronavírus em sete meses da pandemia, anunciou hoje a porta-voz do Ministério da Saúde.

Covid-19: São Tomé e Príncipe regista mais um óbito e três novos casos
Notícias ao Minuto

17:26 - 29/10/20 por Lusa

Mundo Covid-19

De acordo com Isabel dos Santos, morreu um homem de 64 anos, que residia no distrito de Água Grande, com o maior aglomerado populacional e onde existe o maior foco da doença.

A porta-voz do ministério recusou-se a revelar onde morreu o último doente por covid-19, uma vez que em mês e meio o hospital de campanha não tem registado casos de internamento.

Uma fonte hospitalar disse à Lusa que o cidadão morreu no Hospital Ayres de Menezes, onde estava internado.

"O senhor estava internado no Hospital Ayres de Menezes, mas o seu quadro complicou-se e não houve tempo para o transferir para o hospital de campanha", explicou a mesma fonte.

Nas últimas 48 horas as autoridades sanitárias efetuaram 138 testes, tendo registado mais três casos positivos da doença, elevando para 944 os casos acumulados da infeção.

Os casos recuperados da doença totalizam 904 e outras 24 pessoas estão em isolamento domiciliar.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 44,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em África, há 42.151 mortos confirmados em mais de 1,7 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Angola regista 275 óbitos e 10.074 casos, seguindo-se Cabo Verde (94 mortos e 8.548 casos), Moçambique (91 mortos e 12.525 casos), Guiné Equatorial (83 mortos e 5.083 casos), Guiné-Bissau (41 mortos e 2.413 casos) e São Tomé e Príncipe (16 mortos e 944 casos).

O Brasil é o país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, ao contabilizar o segundo número de mortos (mais de 5,4 milhões de casos e 158.456 óbitos), depois dos Estados Unidos da América.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório