Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2020
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 23º

Edição

Apaixonada, enfermeira vai viver com criminoso. Homem matou-lhe as filhas

Mulher não tinha conhecimento do passado criminoso do novo namorado.

Apaixonada, enfermeira vai viver com criminoso. Homem matou-lhe as filhas

Há um mês, Valentina Saprunova, de 40 anos, conheceu Vitaly Molchanov nas redes sociais, e achou que tinha encontrado o verdadeiro amor da sua vida.

A mulher decidiu fazer uma mudança de 1.600 quilómetros para poder ir viver na companhia do novo namorado. E com ela levou as duas filhas: Yana Saprunova e Elena Saprunova, de 13 e 8 anos, respetivamente.

Contudo, Valentina não sabia do passado criminoso do namorado, que incluía crimes por violação e homicídio. O homem esteve, inclusivamente, preso até 2010 por este tipo de crimes.

Valentina começou a trabalhar num hospital local e foi após um turno de trabalho que chegou a casa e se deparou com um cenário horrível: as duas filhas tinham sido esfaqueadas até à morte. Testemunhas referem que o homem estaria furioso devido aos horários de trabalho de mulher, que implicam turnos longos.

As provas forenses estabeleceram que ambas as raparigas foram violadas antes de serem mortas, informou o Comité de Investigação Russo em comunicado.

O suspeito colocou-se em fuga após o crime. Terá fugido numa bicicleta branca e ainda não foi encontrado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório