Meteorologia

  • 27 SETEMBRO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 24º

Edição

AO MINUTO: Escola é "sítio mais seguro". Mais de 15 mil casos no Brasil

A pandemia de coronavírus já infetou 29,2 milhões de pessoas no mundo. Mais de 925 mil pessoas morreram e 21 milhões de pessoas recuperaram do vírus. Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Escola é "sítio mais seguro". Mais de 15 mil casos no Brasil

O boletim epidemiológico divulgado esta segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS) deu conta de 613 novos casos de coronavírus e mais quatro mortes. Em termos globais, Portugal soma 64.596 casos de infeção e 1.871 óbitos. O número total de recuperados ascendeu a 44.185. O número de casos ativos é de 18.540

Na conferência de imprensa de hoje, o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, disse que o país está a entrar "numa nova fase da pandemia" e que o número de contágios obriga a uma "reflexão coletiva sobre os nossos comportamentos individuais"

"É importante que todos continuemos conscientes do nosso papel na propagação do vírus, não podemos vacilar neste caminho de contenção, o único que dispomos no momento", frisou Lacerda Sales. 

O governante revelou que na passada sexta-feira foi realizado o maior número de testes em Portugal desde o início da pandemia: mais de 21.700.

Os Estados Unidos são o país mais afetado pelo coronavírus no mundo. Segue-se a Índia, cujos números de casos e de mortes tem vindo a aumentar significativamente nas últimas semanas. O Brasil, a Rússia, o Peru, a Colômbia, o México e a África do Sul são as outras nações mais atingidas

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

00h08 - Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de terça-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

00h07 - Portugal Continental está desde as 00h00 de hoje em situação de contingência para fazer à face à pandemia de Covid-19, passando a estar em vigor novas medidas restritivas.

00h04 - Pode consultar neste mapa interativo a evolução da pandemia de coronavírus no mundo. 

23h37 - Mariana Vieira da Silva foi entrevistada esta segunda-feira por Miguel Sousa Tavares na TVI. A ministra de Estado e da Presidência defendeu que as escolas são um dos locais mais seguros para as crianças e jovens neste momento

"As escolas estão a trabalhar desde de julho para receber as crianças e os jovens. (...) Para muitas crianças do nosso país, o sítio mais espaçado, mais seguro e limpo é a escola. Não podemos aceitar essa ideia de que as escolas não estão preparadas", salientou. 

A governante desvalorizou ainda o ajuntamento que se verificou ontem na entrada para o recinto do Santuário de Fátima. 

23h31 - O Ministério da Saúde brasileiro referiu hoje que foram diagnosticados 15.115 novos casos de coronavírus em 24 horas e que morreram mais 381 pessoas. O número de casos positivos no Brasil cifra-se em 4.345.610. Desde o início da pandemia 132.006 pessoas morreram no país

O governo brasileiro indicou que 3,6 milhões de pessoas recuperaram do vírus

22h05 - O Parlamento Europeu iniciou hoje, em Bruxelas, a sessão plenária de 'rentrée', com o presidente da assembleia, David Sassoli, a lamentar que a pandemia ainda não permita o regresso a Estrasburgo, que acolheu a sua última sessão em fevereiro passado.

21h32 - Uma em cada cinco empresas prevê reduzir o número de trabalhadores até final do ano devido à crise causada pela pandemia de Covid-19, segundo um inquérito apresentado hoje pela CIP - Confederação Empresarial de Portugal.

20h09 - A Madeira registou hoje um caso de Covid-19, elevando o total de infeções ativas no arquipélago para 50, indicou o Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE), sublinhando que foram também sinalizadas cinco situações suspeitas que se encontram em estudo.

19h29 - O Reino Unido ultrapassou esta segunda-feira os 370 mil casos de contágio. O Departamento de Saúde britânico referiu que no espaço de 24 horas 2.621 pessoas testaram positivo para o coronavírus e morreram mais nove pessoas. Em termos acumulados, o Reino Unido soma 371.125 casos de infeção e 41.637 óbitos

19h00 - França registou 6.158 novos casos de contágio pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas e 34 mortes devido à Covid-19, revelaram hoje as autoridades francesas. O número total de casos confirmados no país é agora de 387.252. O total de óbitos devido à doença é de 30.950

18h40 - As bancadas dos estádios de futebol em Portugal vão continuar sem adeptos pelo menos até ao início do mês de outubro, garantiu hoje o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, depois de uma reunião com a Liga de Clubes

Esta medida vai ser reavaliada numa próxima reunião prevista para a primeira semana de outubro

18h33 - O Ministério da Saúde espanhol revelou esta segunda-feira que foram identificados 27.404 novos casos de coronavírus desde a passada sexta-feira (as autoridades espanholas não têm divulgado o boletim epidemiológico aos fins de semana), incluindo 3.023 infeções detetadas nas últimas 24 horas. Morreram mais 101 pessoas

Espanha totaliza 593.730 casos positivos e 29.848 óbitos

18h19 - A Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) informou hoje haver um sexto tripulante infetado com Covid-19 no navio cruzeiro da empresa CroisiEurope que opera no rio Douro, além de dois passageiros.

18h00 - O presidente do Governo da Madeira, Miguel Albuquerque, considerou hoje que devido ao agravamento dos casos da Covid-19 é necessário a região reforçar as medidas profiláticas, criticando os aglomerados que têm ocorrido à noite nos bares da zona velha do Funchal.

17h37 - O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, garantiu hoje que neste momento "não há qualquer pressão" nos serviços de saúde, estando os internamentos e as unidades de cuidados intensivos com doentes Covid-19 "muito longe" da sua capacidade máxima

17h35 - O advogado da proprietária do lar em Évora onde surgiu um surto de Covid-19 alegou hoje que o pedido de licença camarária aguarda resposta "há quatro anos", mas o município reiterou ser ilegal a localização da instituição.

17h34 - Todos os alunos do 7.º ao 12.º ano do colégio St. Julian's, em Carcavelos, Cascais, vão cumprir quarentena de 14 dias, após a identificação de quatro casos positivos de Covid-19 na comunidade escolar, anunciou hoje o estabelecimento de ensino.

17h32 - O concelho de Évora registou seis casos de Covid-19 na comunidade associados ao surto detetado num lar ilegal, situado na periferia da cidade, tendo vários estabelecimentos fechado portas, por precaução, disse hoje o presidente do município.

17h30 - Os Açores registam hoje mais um caso positivo de Covid-19, na ilha de São Miguel, e uma recuperação, na ilha do Pico, mantendo, assim, 46 casos ativos da doença causada pelo novo coronavírus

17h28 - A residência universitária que vai acolher os utentes de um lar ilegal em Évora infetados com Covid-19 já está preparada e a transferência deve decorrer na terça ou na quarta-feira, disse hoje o presidente da Câmara, Carlos Pinto de Sá. 

17h26 - O presidente do Lar de Santa Teresa, em Viana do Castelo, disse hoje que foi detetado um bebé com Covid-19 na creche da instituição, o que obrigou a colocar "em casa" mais 13 crianças e seis funcionários.

17h15 - A proteção civil italiana anunciou esta segunda-feira que foram diagnosticados 1.008 novos casos de coronavírus e mais 14 mortes nas últimas 24 horas. Este foi o 13º dia consecutivo em que Itália registou mais de mil casos diários. No total, Itália soma 288.761 contágios e 35.624 óbitos. O país contabiliza quase 214 mil pessoas que recuperaram do SARS-CoV-2

15h51 - A Organização Mundial de Saúde (OMS) apelou hoje para que não se espere pela vacina da Covid-19 para controlar a pandemia, registando que na Europa há mais novos casos diários que em março, mas menos mortes.

O diretor-geral da organização, Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou numa sessão do comité para a Europa da OMS que "se não se controlarem os contágios, mais pessoas morrerão" e mais aumentará "o risco real" de terem que voltar as medidas mais restritivas nas sociedades.

Acrescentou ainda que os países podem "usar as ferramentas existentes" para controlar os contactos, "prevenindo eventos amplificadores" de contágios, como os ajuntamentos de grandes dimensões, e salvaguardando "os mais vulneráveis".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório