Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Dinamarca acrescenta Bélgica e Malta à lista de países desaconselhados

A Dinamarca acrescentou a Bélgica e Malta à sua lista de países europeus para os quais as viagens não essenciais são desaconselhadas devido à pandemia do novo coronavírus.

Dinamarca acrescenta Bélgica e Malta à lista de países desaconselhados
Notícias ao Minuto

10:42 - 14/08/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Os dinamarqueses acrescentaram os dois países à sua lista porque ambos têm mais de 30 casos de infeções pelo novo coronavírus por 100.000 habitantes.

A partir da meia-noite de hoje, as pessoas que viajarem à Bélgica ou a Malta devem ficar em quarentena ao retornar à Dinamarca.

O país escandinavo já antes colocara na sua lista Espanha, Andorra, Bulgária, Luxemburgo e Roménia como países onde viagens não essenciais não são recomendadas pelo governo dinamarquês.

Portugal também esteve nesta lista, mas o Governo dinamarquês levantou as restrições ao nosso país a 30 de julho.

A Dinamarca também não recomenda viagens para países fora da Europa, com exceção do Canadá, Nova Zelândia, Austrália, Coreia do Sul, Geórgia, Japão, Tailândia, Tunísia e Uruguai.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 750 mil mortos e infetou quase 21 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.770 pessoas das 53.548 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório