Meteorologia

  • 14 AGOSTO 2020
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 26º

Edição

Moçambique regista mais uma morte. Número total de casos sobe para 1.946

Moçambique registou hoje o 13.º óbito devido ao novo coronavírus e o número total de casos, nas últimas 24 horas, subiu para 1.946 como resultado de 39 novas infeções, informou hoje o Ministério da Saúde.

Moçambique regista mais uma morte. Número total de casos sobe para 1.946

A vítima, com 66 anos, morreu no dia 24 de julho, após ser internada um dia antes no Hospital Central de Maputo com dificuldades respiratórias, indica o comunicado do Ministério da Saúde, acrescentando que o resultado do teste para covid-19 feito ao paciente só foi reportado hoje.

No mesmo dia em que o país anunciou o 13.º óbito, mais 39 novos casos foram registados, elevando o número total para 1.946, dos quais 1.771 são de transmissão local e 175 importados.

"Os casos hoje reportados encontram-se em isolamento domiciliar. Neste momento, decorre o processo de mapeamento dos seus contactos", acrescenta o documento.

Do cumulativo de casos positivos diagnosticados em todo o país, 654 (33.5 %) indivíduos são dados como totalmente recuperados, havendo também outras nove pessoas internadas em centros de isolamento.

"Todos os internados padecem de patologias crónicas diversas", acrescenta o comunicado.

A maioria dos casos ativos estão na Cidade de Maputo e província de Cabo Delgado, com 306 e 264 pessoas infetadas, respetivamente, seguida de Maputo província e Nampula, ambas com 246 infeções.

As restantes sete províncias do país registam menos de 60 casos.

O país realizou 59.642 testes de casos suspeitos, desde o anúncio do primeiro caso de covid-19, em 22 de março, tendo rastreado mais de 1,6 milhões de pessoas.

Um total de 24.954 pessoas suspeitas de infeção foram colocadas em quarentena domiciliária e 3.569 continuam a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 685 mil mortos e infetou mais de 17,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório