Meteorologia

  • 28 OUTUBRO 2021
Tempo
23º
MIN 13º MÁX 23º

Edição

Espanha sem nenhum óbito nas últimas 24 horas e descida nos infetados

Autoridades de Saúde espanholas indicam que não foi registada nenhuma morte por Covid-19 no último dia. O número de novas infeções é de 71, o registo mais baixo desde o início de março.

Espanha sem nenhum óbito nas últimas 24 horas e descida nos infetados

O Ministério da Saúde espanhol não tem registo, esta segunda-feira, de nenhuma morte associada à Covid-19, mantendo-se o número total nos 27.127 que ontem tinham sido anunciados. Sublinhe-se que desde há uma semana que o registo diário está abaixo dos dez, somando-se 35 óbitos no mesmo período.

É também registada uma descida nos novos casos de infeção, com mais 71 novos contágios nas últimas 24 horas, uma descida em relação a domingo (96) e o número mais baixo desde o início de março.

A região mais afetada continua a ser Madrid, com 18 dos 71 novos diagnósticos positivos de infeção.

Contabilizam-se agora 239.638 casos de pessoas com diagnóstico positivo confirmado pelo teste PCR, o mais fiável na deteção do novo coronavírus

Recorde-se que o número total de mortes e de casos de infeção devido ao novo coronavírus tem sofrido ajustes diários, fazendo com que os registos das últimas 24 horas nem sempre batam certo com os números totais. Segundo o Ministério da Saúde, a correção tem a ver com uma alteração da validação feita pelas comunidades autónomas espanholas (para corrigir séries e eliminar duplicações).

"A validação individual dos casos está em curso, pelo que pode haver discrepâncias em relação à notificação agregada dos dias anteriores", avisam os serviços sanitários espanhóis.

Espanha vai prolongar por mais duas semanas, de 7 até 20 de junho, o estado de emergência em vigor desde 15 de março último.

O anúncio foi feito no domingo pelo primeiro-ministro, Pedro Sánchez, que explicou que a necessidade desta última prorrogação seria para garantir por mais alguns dias as medidas de confinamento que estão a ser aplicadas e que preveem limitações à circulação de pessoas no território espanhol.

O parlamento espanhol deverá aprovar na quarta-feira o sexto prolongamento consecutivo de 14 dias do período de exceção, numa altura em que há muitas críticas a essa medida, principalmente dos partidos da oposição de direita, que já anunciaram que iriam votar contra.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório