Meteorologia

  • 07 JULHO 2020
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 35º

Edição

Ratos exibem comportamento “agressivo” por não encontrarem tanta comida

Com o encerramento dos restaurantes e o isolamento social, estes animais têm tido mais dificuldade para se alimentarem. Recorrem ao canibalismo.

Ratos exibem comportamento “agressivo” por não encontrarem tanta comida

O comportamento dos animais tem sido influenciado pelas restrições impostas por causa da pandemia. No auge do confinamento (muitos países na Europa, por exemplo, já estão na fase de desconfinamento), circulavam diversas imagens e vídeos de animais a percorrerem ruas desertas e de outros que voltavam a ser observados em rios. Mas também houve um impacto negativo para alguns animais do isolamento social implementado.

É o caso dos ratos. Estes roedores que se costumavam banquetear dos restos dos restaurantes ou daquilo que os humanos deixavam cair para o chão passaram a ter grandes dificuldades em encontrar comida, face ao encerramento de restaurantes e ao facto das pessoas terem estado mais confinadas às suas casas nos últimos meses, como dá conta a BBC.

O Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos refere que os ratos estão a exibir um comportamento “invulgar e agressivo”. Essa agressividade não se manifesta relativamente às pessoas, mas entre si. E os ratos recorrem ao canibalismo.

Como o especialista Robert Corrigan explicou à BBC, o canibalismo dissemina-se em colónias stressadas e estes roedores têm estado sujeitos a muito stress devido à pandemia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório