Meteorologia

  • 04 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

Vendas de hidroxicloroquina duplicam após Trump promover medicamento

Desde março que Donald Trump tem falado do medicamento de forma positiva, mesmo não existindo provas concretas da sua eficácia e com alguns reguladores a alertar para efeitos secundários negativos.

Vendas de hidroxicloroquina duplicam após Trump promover medicamento
Notícias ao Minuto

16:18 - 22/05/20 por Anabela Sousa Dantas 

Mundo Hidroxicloroquina

O presidente norte-americano assumiu na segunda-feira que tem tomado hidroxicloroquina como forma de prevenção contra a Covid-19 e as vendas do medicamento dispararam, diz a CNN. Sublinhe-se, porém, que o medicamento usado na profilaxia da malária não tem ainda efeitos comprovados no tratamento da doença associada ao novo coronavírus.

O facto de não ser aconselhado por nenhum regulador ou autoridade do medicamento não impediu Donald Trump de publicitar o medicamento desde há meses, mesmo que à revelia do seu principal conselheiro para a Saúde, Anthony Fauci. Esta semana, acabou por assumir que o toma e sugerir que os americanos fizessem o mesmo.

A CNN reporta, agora, que as vendas do medicamento aumentaram para o dobro em março deste ano (50 milhões de dólares), comparando com o período homólogo. 

O regulador norte-americano do medicamento (Food and Drug Administration, FDA) mostrou-se contrário ao uso da hidroxicloroquina ou da cloroquina para tratamento ou prevenção da Covid-19, porque "não deram provas de ser seguras ou efetivas para tratar ou prevenir".  A FDA diz estar "ciente de relatos de sérios problemas de ritmo cardíaco em pacientes com Covid-19" que usaram este tipo de medicamento. Ainda assim, foram passadas mais de 830 mil receitas para o medicamento ou para a versão genérica (Plaquenil) em março (no ano passado, no mesmo período foram emitidas 460 mil).

Sublinhe-se que ainda não há registos de abril, nem das prescrições passadas em lares ou em hospitais. Resta, também, saber que impacto terá o anúncio da toma do medicamento por parte do líder republicano, agora em maio

A hidroxicloroquina, assim como a cloroquina, é um medicamento usado no tratamento da malária, e apontado como possibilidade na prevenção e tratamento de infeções pelo novo coronavírus, mas ainda sem resultados comprovados. A Agência Europeia do Medicamento lançou um comunicado onde sublinha que os dois só devem ser usados no âmbito da Covid-19 em caso de estudo clínico ou do uso emergencial e monitorizado, para efeitos de investigação.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório