Meteorologia

  • 18 MAIO 2022
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 25º

Boris Johnson e Trump concordam numa resposta internacional coordenada

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, e o Presidente dos EUA, Donald Trump, concordaram hoje numa "resposta internacional coordenada" à pandemia covid-19 e prometeram cooperar bilateralmente, numa conversa por telefone.

Boris Johnson e Trump concordam numa resposta internacional coordenada
Notícias ao Minuto

17:20 - 21/04/20 por Lusa

Mundo Covid-19

"Os líderes concordaram na importância de uma resposta internacional coordenada ao novo coronavírus, inclusive através do G7, atualmente presidido pelos EUA. Também discutiram a cooperação contínua entre Reino Unido e EUA na luta contra a pandemia", referiu um porta-voz.

Boris Johnson, que continua a convalescer da infeção que obrigou à sua hospitalização por uma semana e internamento nos cuidados intensivos, agradeceu os votos de recuperação enviados por Trump e ambos comprometeram-se a continuar a negociar um acordo de comércio "o mais rápido possível".

Durante o encontro diário com jornalistas esta tarde, o porta-voz do primeiro-ministro tinha vincado que Johnson "não está formalmente a fazer trabalho governamental", mas que tem recebido atualizações dos seus assessores. 

Johnson está em convalescença na sua residência de campo em Chequers Court, nos arredores de Londres, desde que recebeu alta a 12 de abril do hospital de St. Thomas, em Londres, onde passou uma semana internado devido ao agravamento dos sintomas da infeção pelo novo coronavírus, incluindo três noites nos cuidados intensivos.

De acordo com o jornal The Times, o primeiro-ministro teve uma reunião de duas horas na sexta-feira com membros e assessores do governo, incluindo o ministro dos Negócios Estrangeiros, Dominic Raab, que substitui Boris Johnson na frente do Governo enquanto durante a sua ausência. 

O último balanço divulgado pelo ministério da Saúde britânico contabilizou 129.044 casos de contágio e 17.337 mortos durante a pandemia covid-19, mas este número apenas inclui os casos de pacientes hospitalizados. 

Estatísticas oficiais publicadas hoje indicam que morreram pelo menos mais 1.500 pessoas  até 10 de abril do que estimado pelo Governo, incluindo 1.043 óbitos em lares de idosos em Inglaterra e País de Gales e mais de 500 outras pessoas em instituições e casas particulares.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório