Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 20º

Edição

Primeiro-ministro japonês declara estado de emergência em sete cidades

Tóquio, Osaka, Saitama, Kanagawa, Chiba, Hyogo e Fukuoka estão agora sob regras mais apertadas devido à pandemia de Covid-19. Anúncio oficial foi feito esta terça-feira pelo primeiro-ministro Shinzo Abe.

Primeiro-ministro japonês declara estado de emergência em sete cidades

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, confirmou esta terça-feira que sete cidades do país passarão a estar sob declaração de estado de emergência pelo período de um mês.

A decisão, que afetará Tóquio, Osaka, Saitama, Kanagawa, Chiba, Hyogo e Fukuoka, foi tomada depois de um surgimento acentuado de casos e como forma de controlar a progressão da doença no país.

Paralelamente a este anúncio, Shinzo Abe anunciou ainda um programa de auxílio à economia no valor de 20% do PIB japonês, cerca de 990 mil milhões de dólares.

"Decidimos declarar o estado de emergência porque consideramos que uma progressão rápida da doença pelo país teria um grande impacto nas nossas vidas e na nossa economia", anunciou o responsável político pelo país citado pela Reuters.

Com as infeções em Tóquio a mais do que duplicarem durante a última semana, com 1.200 casos confirmados e 80 novos contágios esta terça-feira, a medida visa tentar controlar a doença depois de o país ter registado uma taxa de sucesso no combate inicial à doença, exibindo uma das taxas de progressão mais baixas do mundo.

Segundo a agência Reuters, a decisão agora tomada, que afeta sete cidades, porá 44% do total da população em isolamento, uma vez que estes são alguns dos centros populacionais mais densos do Japão.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório